Esportes

Luan Fernandes vence Lucas Ananias no “It’s Time Combat 6”

Luan-Fernandes-vence-Lucas-Ananias
Redação
Escrito por Redação

A sexta edição do It’s Time Combat, realizada neste sábado, 11 de junho, no Sport Bar, em Manaus, foi marcada pela vitória especular de Luan Fernandes (Chiquinho Top Team) sobre Lucas Ananias (MPBJJ/Nova União). Na luta principal da noite, o amazonense Maycon “Boca” Silvan (WL/Nova União) superou o paraense Wanderlly “Vagaroso” (Equipe NFT / Vilhena/Castanhal-PA) por decisão unânime dos juízes e manteve o cinturão dos pesos moscas da organização.
Confronto histórico

A batalha entre Luan e Lucas era a mais esperada pela torcida devido à polêmica da pesagem no dia anterior, em que os atletas se estranharam na Arena da Amazônia. Quando subiram ao “cage” as expectativas de show foram confirmadas, com o lutador da equipe do mestre Márcio Pontes partindo para o ataque, apresentando um repertório afiado de muay thai e boxe. Lucas foi dominante no primeiro round, principalmente por ter quebrado o nariz do oponente com uma série de socos frontais.
Mesmo sangrando, Luan mostrou que tem um coração valente e reagiu no segundo round ao mesclar do melhor do jiu-jítsu, do boxe e do wrestling. A vitória histórica na luta que foi considerada uma das melhores do ano no MMA do Amazonas aconteceu a 1 minuto e 13 segundos do segundo round, com o atleta da Chiquinho Top Team finalizando o adversário com um mata-leão.
“Treinei muito para essa luta, pois meu adversário é reconhecidamente muito bom. Dedico essa vitória para minha família, minha namorada, ao meu mestre Chiquinho e aos meus companheiros da equipe CTT”, afirmou o campeão, que fez questão de cumprimentar Lucas e encerrar a polêmica.

Its-Time-Combat-6

Consagrados no Sport Bar
Além de Luan Fernandes e Maycon Boca, o It’s Time Combat 6 consagrou os seguintes atletas: Elvis Silva, Lucas Almeida, Eliandreo Lopes, Wellington Lopes, Jocinei Alencar, Fernando Barros, Jordan Rocha e Matheus Ortiz. A luta entre Max Douglas e Felipe Pereira terminou empatada por decisão majoritária dos juízes da Comissão Atlética de MMA do Amazonas.

Resultados oficiais do It’s Time Combat 6:
Luta 1:
Até 57 kg (mosca) – Elvis Silva (WL/Nova União) venceu Thalyson Freitas (JB MMA/ Sonic Luta Livre) por decisão unânimes dos juízes;

Luta 2:
Até 66 kg (pena) – Lucas Almeida (SD System/Checkmat) venceu Júnior Bidida (Cristiano Mascarenhas MMA) por finalização em mata-leão a 1min40seg do segund round;

Luta 3:
Até 77 kg (meio-médio) Eliandreo Lopes (Pesadão Jiu-Jítsu) venceu Caio César (Império CT) aos 3min23seg do primeiro round por nocaute técnico;

Luta 4:
Até 70 kg – Wellington Lopes (Nova União/Garagem Jiu-Jítsu) venceu Raphael Guimarães (Nélio Thai/Associação Monteiro) por finalização em guilhotina aos 2min17seg do segundo round;

Luta 5:
Até 52 kg (palha) – Jocinei Alencar (Kratos Top Team) venceu Jardel Brito (Pesadão Jiu-Jítsu) por decisão unânime dos juízes;

Luta 6:
Até 70 kg (leve) Fernando Barros (Nova União FC) venceu Carlos Wilson (Nak Su Thai Gym) por finalização em mata-leão aos 3min13seg do primeiro round;

Luta 7:
Até 61 kg (galo) Max Douglas (SD System/Checkmat) e Felipe Pereira (MPBJJ/Nova União Coari) empataram por decisão majoritária dos juízes;

Luta 8:
Até 57 kg (mosca) Luan Fernandes (Chiquinho Top Team) venceu Lucas Ananias (MPBJJ/Nova União) por finalização em mata-leão a 1min13seg do segundo round;

Luta 9:
Até 70 kg (leve) – Jordan Rocha (Kratos Top Team) venceu Bartolomeu Ferreira (Tabatinga/Zulu Team) por nocaute técnico a 1min10seg do segundo round;

Luta 10:
Até 57 kg – Matheus Ortiz (MPBJJ/Nova União) venceu Giliarde Wolverine (Renovação Coari Team) por decisão unânime dos juízes;

Luta 11:
Até 57 kg (mosca) – Maycon “Boca” Silvan (WL/Nova União) venceu Wanderly “Vagaroso”(Equipe NFT / Vilhena/Castanhal-PA) por decisão unânime dos juízes

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.