Política

Luiz Nascimento, da Camargo Corrêa, deu dinheiro vivo ao PSDB, diz delator

LUIZ-NASCIMENTO
Redação
Escrito por Redação

O ex-presidente da Transpetro Sergio Machado diz em seu depoimento de delação premiada que recebeu R$ 350 mil em dinheiro vivo de Luiz Nascimento, da Camargo Corrêa, um dos maiores empreiteiros do país. Ele é genro do fundador da empresa, Sebastião Camargo, e um dos controladores do grupo.

Em valores atuais, a cifra equivale a cerca de R$ 1,5 milhão.

Machado diz que, na campanha eleitoral de 1998, “uma das empresas que fizeram repasses de valores ilícitos foi a construtora Camargo Corrêa”.

Machado afirma que, “numa tarde daquele ano, fui à casa de Luiz Nascimento, que me entregou um pacote de dinheiro de R$ 350 mil para o PSDB”.

Ele diz ainda que “a Camargo Corrêa ajudava fortemente, e sempre foi um grande doador das campanhas tucanas”.

A partir dessa “articulação” e de “captações feitas em 1998 e 2000 na eleição para prefeito”, o PSDB conseguiu eleger 99 deputados para a Câmara.

A Camargo Corrêa foi uma das primeiras empreiteiras a fazer acordo de delação premiada na Operação Lava-Jato. Até então, apenas executivos da empresa tinham sido envolvidos nas denúncias. Os donos da empreiteira, como parte do acordo, não foram responsabilizados, situação que pode mudar com a delação de Machado.

A empresa diz que está colaborando com a Justiça.

(UOL)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.