Mundo

Maduro se diz vítima de conspiração

Redação
Escrito por Redação

No dia em que o governo venezuelano declarou oficialmente o ‘estado de exceção e emergência económica’ em todo o país, Maduro afirmou ser vítima de uma conspiração a nível mundial, cujo o objetivo é derrubar o seu governo, escreve o jornal El País.

Nicolas Maduro diz que se trata de uma campanha mediática e política “brutal” contra o seu executivo. As declarações foram feitas numa conferência de imprensa no Palácio Presidencial, em Miraflores.

O chefe do governo venezuelano denunciou ainda que a ideia do suposto plano traçado contra ele é “levar a Venezuela a uma situação de violência generalizada que sirva de desculpa para uma intervenção militar internacional”.

Maduro aproveitou ainda para anunciar o início de uma “contra ofensiva” política para fazer frente às “ameaças” e “agressões” que a Venezuela recebe do exterior e que, segundo Caracas, giram em torno de Miami, Madrid e Bogotá.

(NOTÍCIAS AO MINUTO)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.