Amazonas Cultura

Maestro Henrique Villas Boas faz apresentaçao com a OCA no Teatro Amazonas

Maestro Henrique Villas Boas, se apresenta no TA/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

Uma das principais revelações da nova geração de maestros brasileiros, Henrique Villas Boas, será o convidado especial da Secretaria de Estado da Cultura para se apresentar junto com a Orquestra de Câmara do Amazonas, durante o concerto gratuito “Glass Pärt Schoenberg”, que será realizado amanhã, terça-feira (15) no Teatro Amazonas, no Largo de São Sebastião.
No repertório estarão algumas das principais obras da música clássica do século XX, representadas por composições de Philip Glass, Arvo Pärt e Arnold Franz Walter Schönberg. “Esse é um dos principais papeis da Orquestra de Câmara do Amazonas, fazer um mix no estilo de espetáculos apresentados ao público e dar à plateia a possibilidade de conhecer novos talentos, como o do maestro Henrique Villas Boas, que vem ao Amazonas exclusivamente para esta apresentação”, afirmou o secretário de Estado da Cultura, Robério Braga.

Henrique Villas Boas, que além de maestro é arranjador, cantor, compositor e pianista, é considerado pela mídia especializada como um dos principais destaques nacionais no segmento. “É a primeira vez que venho ao Amazonas e trabalhar com esses músicos tem sido uma experiência incrível. Já estamos ensaiando há uma semana e tenho certeza que esse espetáculo será realmente especial”, afirmou.

O maestro ressaltou ainda a qualidade dos corpos administrados pela Secretaria de Estado da Cultura. “Fiquei surpreso com a qualidade dos músicos e com a quantidade de grupos artísticos estáveis. Pode-se contar nos dedos o lugar no Brasil que tem essa efervescência cultural. Esse Estado é um verdadeiramente acontecimento nacional no que diz respeito à arte e à cultura”, disse o maestro.

Compositores

Philip Glass compôs obras que já fazem parte de trilhas para cinema, teatro de vanguarda e pode ser considerado uma espécie de elo entre a música clássica e a contemporânea. Tem um estilo muito marcante no desenvolvimento de suas obras, sempre utilizando de um número reduzido de notas. A personalidade marcante em suas composições fez com que ele fosse considerado sempre a frente de seu tempo.

Arvo Pärt, nascido na Estónia, é um dos compositores mais venerados e ouvidos nos meios católicos. A sua obra conta com uma harmonia neotonal, com ausência de tensão, de conflito, de oposições, o que caracteriza a essência do repetitivismo e do minimalismo.

Já Arnold Franz Walter Schoenberg foi um dos mais influentes e revolucionários compositores da música erudita do século XX. Suas obras sempre foram caracterizadas por um método composicional inovador.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.