Amazonas Política

Marcelo Ramos: ´pesquisas comprovam que Manaus quer mudança´

Marcelo caminha e eleitor faz apelo/Foto: Michell Melo
Redação
Escrito por Redação
Marcelo caminha e eleitor faz apelo/Foto: Michell Melo

                               Marcelo caminha e eleitor faz apelo/Foto: Michell Melo

A divulgação dos números de pesquisa em que aparece com dez pontos à frente do atual prefeito, não mexeu com a cabeça de Marcelo Ramos (PR).

Nas primeiras horas da manhã de hoje, segunda-feira (19), o candidato a prefeito de Manaus, pela coligação “Mudança para Transformar”, enviou mensagem aos grupos do aplicativo WhatsApp, com o seguinte recado: “Vamos continuar trabalhando firmes, com humildade e serenidade. Temos muito a conquistar e juntos vamos conseguir nossos objetivos”, escreveu Marcelo Ramos.

A pesquisa mais recente foi realizada pela empresa DMP e Rede Tiradentes e divulgada na manhã desta segunda-feira (19). A pesquisa aponta o cenário de um segundo turno entre o atual prefeito Artur Neto e Marcelo Ramos, onde Marcelo sai vitorioso com 50,5% contra 40,8% de Artur Neto.

Para Marcelo Ramos o melhor resultado é aquele que vem sendo mostrado nas ruas. O candidato está otimista e diz que os resultados das pesquisas apenas dão mais incentivo, ânimo e garra para continuar a caminhada rumo à vitória. “O que eu peço é que cada eleitor que acredita na força da mudança segura e transformadora, nos ajude pedindo mais um voto de um familiar, de um amigo e aí sim vamos chegar fortes no segundo turno”, disse.

Marcelo ressaltou que em todas as regiões de Manaus, o sentimento é de mudança, de mudança de atitudes, de prioridades, da forma de governar. “É nós representamos essa mudança”, destacou.

O índice de rejeição apontado pela pesquisa também foi destacado por Marcelo Ramos como dado irrefutável de que a população quer mudança na prefeitura. Nada menos que 32% do eleitorado afirma que não votaria no atual prefeito de jeito nenhum, enquanto apenas  7% rejeitam Marcelo.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.