Mundo

Merkel desafia UE a ‘mostrar solidariedade’ com refugiados

Refugiados que atravessaram fronteiras/Foto: EPA/Sven
Refugiados que atravessaram fronteiras/Foto: EPA/Sven
Redação
Escrito por Redação

A chanceler alemã, Angela Merkel, desafiou hoje (15), a União Europeia a “mostrar solidariedade” com os refugiados, ultrapassando as atuais divergências. Ela advertiu que isso não for alcançado, será uma falha.
“A Europa precisa mostrar solidariedade. Todo o resto será uma falha”, disse Merkel, horas antes de começar em Bruxelas uma reunião do Conselho Europeu para discutir a crise migratória.

Os líderes europeus deverão analisar se as medidas já adotadas como respostas da União Europeia à crise de refugiados “são suficientes para conter novos fluxos migratórios”. Serão discutidos também uma revisão das atuais regras europeias de gestão de pedidos de asilo (a chamada Convenção Dublin) e um reforço das fronteiras externas, incluindo a criação de um Corpo de Guardas-Fronteiriços europeu.

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker advertiu, horas antes do Conselho Europeu, que os Estados-Membros devem honrar as promessas feitas em setembro passado de contribuições financeiras para enfrentar a crise migratória.

Em entrevista conjunta com o presidente do Parlamento Europeu, Martin Schulz, após uma reunião de trabalho para preparar a cúpula de chefes de Estado e de Governo da UE, que será realizada hoje à tarde em Bruxelas, Juncker lembrou aos líderes as promessas feitas na cúpula de setembro, que ainda não foram cumpridas. Os Estados-Membros se comprometeram com um financiamento total de 2,5 bilhões de euros.(Agência Brasil)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.