Mundo

Mesmo sofrendo bullyng, garoto deixa cabelo crescer para fazer perucas a crianças com câncer

peruca-03
Redação
Escrito por Redação

Christian McPhilamy é um garoto de apenas 8 anos que mora na Flórida, nos Estados Unidos. Há cerca de dois anos, ele viu um comercial na televisão que mudou a sua vida: o anúncio falava sobre um hospital no país que trata de crianças com câncer, o St Jude Children’s Hospital.

Depois disso, ele ficou determinado em deixar o cabelo bem comprido para fazer perucas para crianças que perdem o cabelo devido ao tratamento da doença. Há poucas semanas, Christian conseguiu cumprir o planejado e cortou mais de 25 centímetros de seu cabelo loiro para doação.

Mas atingir seu objetivo não foi fácil e sua atitude gerou muito bullying na escola. “De seus colegas de escola chamando-o de menina, até mesmo professores e amigos da família dizendo que ele deveria cortar o cabelo e até mesmo oferecendo dinheiro para que ele cortasse. Mesmo assim, ele nunca se desviou do objetivo e procurou educar os outros sobre o porquê da escolha de deixar o cabelo crescer”, contou a mãe do garoto, Deeanna Thomas.

Fonte: Catracalivre

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.