Brasil

Ministro nega que já sabia de operação; Temer sente saia justa

Ministro da Justiça Alexandre de Moraes/Foto: Divulgação
Ministro da Justiça Alexandre de Moraes/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação
Ministro da Justiça Alexandre de Moraes/Foto: Divulgação

Ministro da Justiça Alexandre de Moraes/Foto: Divulgação

O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, negou na manhã desta segunda-feira (26), em São Paulo, que já sabia sobre as operações da Polícia Federal. A prisão do ex-ministro Antonio Palocci aconteceu um dia depois de Moraes sugerir que haveria operação da Lava Jato nesta semana. Questionado quando soube da prisāo de Palocci, o ministro afirmou: “exatamente hoje, a partir das 6h15”.

“Temos uma praxe já montada no ministério de que a partir das 6, 6h15 da manhã, as informações das operações que serão realizadas no dia são passadas”, disse Moraes em evento na Fecomércio.

Puxão de orelha
Já o presidente Michel Temer, disse que vai cobrar de seu ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, explicações sobre suas declarações. Temer anda preocupado com os comentários de que seu governo usa politicamente a Lava Jato.

Segundo publicou a Folha de S. Paulo, auxiliares presidenciais dizem que a fala do ministro da Justiça dá munição a quem pode acusar o presidente Temer de tentar interferir e monitorar a Operação Lava Jato, passando a mensagem de que o Palácio do Planalto é informado sobre tudo das operações e até usa as informações politicamente.

(NOTÍCIAS AO MINUTO)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.