Mato Grosso

MT: caminhão tomba e motorista é atacado por abelhas

Redação
Escrito por Redação

No final da tarde deste sábado (10), um caminhão que seguia no sentido Mineiros a três divisas, tombou próximo a um posto fiscal abandonado. Segundo informações de motoristas que passavam pelo local, o motorista do caminhão não conseguiu fazer a curva e tombou o veículo as margens da rodovia, o motorista do caminhão ficou preso às ferragens e foi atacado por um enxame de abelhas, motoristas que passavam pelo local tentaram ajudar mas não conseguiam chegar até a vítima por conta das picadas de abelhas que sofriam.

 
Um funcionários de uma fazenda próximo ao local do acidente foi o grande herói do dia, ele vestiu uma roupa própria de apicultura e enfrentou sozinho as abelhas, ele então retirou o motorista do caminhão das ferragem e tentou de todas as maneiras tirar as abelhas, vários extintores de veículos que passavam pelo local foram usados para tentar espantar as abelhas, em determinado momento a vítima não aguentou e acabou caindo desmaiado no asfalto.

A viatura da Policia Militar de Alto Taquari chegou ao local minutos depois e trouxe a vítima até o hospital municipal.

Em entrevista o Cabo Maia da PM, disse que a guarnição da PM sofreu várias picadas de abelhas, pois a vítima que estava na viatura tinha muitas abelhas no corpo, graças ao belo trabalho da PM a vítima foi socorrida a tempo e levada ao hospital, o polícia ressaltou ainda a coragem do rapaz que retirou o motorista em meio as abelhas.

O Hospital municipal informou que além do motorista do caminhão, outro motorista de um veículo pequeno que tentou socorrer a vítima presas as ferragem também chegou ao hospital com várias picadas de abelhas os ficaram internado sobre observação medica eles passam bem e estão fora de risco de morte.

Segundo o médico plantonista do Hospital que atendeu as vítimas, eles tiveram muita sorte, se não fossem retirados do local a tempo poderiam ter ido a óbito por choque anafilático causados pelas picadas de abelhas.

ataque-de-abelha

(24horasnews)

 

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.