Amazônia Mato Grosso

MT: pistoleiros matam pai de jornalista em Poconé

Redação
Escrito por Redação

Pistoleiros assassinaram na noite de domingo, em uma comunidade no municípios de Poconé, o pai da jornalista Andréia Medeiros, assessora de imprensa do Ministério Público Estadual, Cícero Medeiros, ex-secretário de Obras de Chapada dos Guimarães. Além de Cícero, morto pelas costas ao tentar fugir dos bandidos, foi assassinado também o empresário de Várzea Grande, Rodrigo Botelho. Ambos estavam conversando quando dois homens chegaram atirando.Na manhã desta segunda-feira, os polícias de Poconé, em conjunto com militares de Nossa Senhora do Livramento encontram a caminhonete picape Hillux de Cícero que foi levada após as execuções.

Segundo as informações de policiais que atenderam a ocorrência no domingo, Cícero e Rodrigo estavam conversando na entrada da propriedade quando foram surpreendidos pelos assassinos. Testemunhas disseram que eles chegaram sem dizer nada e já foram atirando. O alvo era o pai da jornalista. Policiais confirmaram que Cícero havia denunciado recentemente o roubo de gado na região.

O delegado de Poconé, Olímpio Cunha Fernandez, responsável pela investigação descarta o crime de latrocínio – roubo seguido de morte – e trabalho com a hipótese de um homicídio por execução – marginais pagos para matar -.

“Não temos dúvidas de que foi uma execução. O Cícero havia denunciado uma gangue que vinha agindo na região em roubos de gado. Já temos uma linha a seguir e em pouco tempo estaremos prendido os executores e os mandantes.

A Polícia Militar de Poconé informou ainda que duas pessoas da família de Cícero estavam na casa no momento do crime. Cícero e o amigo foram surpreendidos quando estavam no portão da casa.

(24horasnews)

 

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.