Curiosidades

Ninguém mais irá lhe enganar: 9 dicas de um agente do FBI para decifrar facilmente as pessoas

preview-2201610-650x341-98-1475630797
Redação
Escrito por Redação

preview-2201610-650x341-98-1475630797
A habilidade de “ler“ as pessoas como se fossem um livro pode se transformar numa ferramenta eficiente na comunicação interpessoal. LaRae Quy, agente do FBI com 23 anos de experiência, garante: ”você não precisa necessariamente ser um detetive profissional para saber o que acontece na mente alheia. As pessoas estão enviando sinais o tempo todo. Basta saber onde procurar e interpretá-los”.

Mas que sinais são esses, que nos ajudam a descobrir o que alguém pensa ou sente?

1-1

Cada pessoa tem suas peculiaridades. Por exemplo, durante uma conversa, olham para o chão, deixam os braços cruzados, tossem, coçam o cabelo ou balançam uma perna.

Nos comportamos assim por vários motivos. Saber definir o modelo básico de comportamento irá te ajudar a entender quando tais atos são apenas questão de hábito ou quando revelam mentiras, raiva ou nervosismo, por exemplo.

2-2

Preste atenção à discrepância entre o modelo básico de comportamento que você definiu, e às pessoas e seus gestos.

Por exemplo, você já notou que alguém tem o costume de pigarrear quando fica nervoso. Será que há algo a mais por trás desta atitude, do que pode parecer à primeira vista?

3-3

Um gesto ou uma palavra nem sempre trazem sentidos ocultos. Porém, quando um gesto vem seguido de outro, dê especial atenção.

Por exemplo, determinada pessoa não apenas pigarreia, mas também coça a cabeça e brinca com os pés. Nesse caso, você precisa aprender a agir com precaução.

4-4

Fique atento ao antes e depois. Quando perceber que alguém vem agindo de forma diferente da habitual, vá além em suas observações. Como ele ou ela interage com outras pessoas no ambiente? A expressão do seu rosto muda? E quanto à postura e linguagem corporal?

5-5

Os neurônios-espelho situados em nosso cérebro refletem o estado da nossa mente. Por exemplo, o sorriso ativa os músculos que respondem pela expressão de um rosto alegre. E quando franzimos a testa, mostramos nosso desprezo.

Ao ver que alguém gosta de nós, enviamos um sinal aos músculos do rosto para que relaxem. Se um rosto não corresponde com sentimentos mútuos, é porque a pessoa está enviando uma mensagem: ela provavelmente não vai com a sua cara ou não gostou de algo que você fez.

6-6

Nem sempre a pessoa mais forte é quem comanda. Uma pessoa segura de si mesma, de forma geral, tem um tom de voz autoritária (não confundir com forte).

Às vezes, o líder de um grupo é uma pessoa fraca que, em vários aspectos, depende dos outros. Identifique quem fala de maneira mais firme ou autoritária no grupo para aumentar suas chances de sucesso.

7-7

Muitas vezes, os movimentos das pessoas precisam de fluidez. E se uma pessoa olha para baixo, é porque lhe falta confiança.

Se você perceber estes traços no comportamento de um membro da sua equipe, pode elogiá-lo para fortalecer sua confiança. Ou faça perguntas diretas para arrancar da pessoa coisas que ela teme dizer por conta própria.

8-8

As palavras de ação (geralmente, os verbos) dão a uma pessoa a noção completa sobre o modo de pensar de alguém.

Por exemplo, se seu chefe diz que “decidiu trabalhar com a marca X“, o verbo de ação seria ”decidir”. Só esta palavra indica que seu chefe provavelmente: a) é pouco impulsivo, b) estudou várias opções e c) pensou em todos os passos a seguir.

9-9

Cada um de nós, claro, é uma pessoa única, mas há perguntas básicas cujas respostas ajudam a “ler” a pessoa, independente de quem seja:

1 A pessoa é introvertida ou extrovertida?
2 As relações humanas são o ponto de partida de suas ações?
3 Como ele ou ela lida com o risco, com o caos, com as incertezas?
4 O que alimenta seu ego?
5 Como a pessoa se comporta numa situação de estresse?
6 Como ele ou ela se comporta quando relaxa?

Leve em conta de que aprender a decifrar os outros sem errar é algo que leva tempo. Claro que toda regra tem sua exceção. Porém, tomando em consideração os princípios que indicamos acima, você tenderá a aprimorar muito suas habilidades de observação, aumentando a capacidade de entender as pessoas e interagir com eficiência.

Fonte:Incrivel

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.