Amazonas Cidades

Nova remessa de produtos garante merenda escolar às escolas de Parintins

Preparação da merenda escolar, em Parintins/Foto: Divulgação
Preparação da merenda escolar, em Parintins/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

A Prefeitura de Parintins iniciou a entrega de mais de 15 toneladas de alimentos nas escolas de ensino fundamental e centros infantis do município. A nova remessa da merenda escolar foi repassada a 32 instituições de ensino na cidade e, pelo menos, 120 escolas no interior, também, serão beneficiadas. As entregas iniciaram na última quinta (02), na cidade, e agora, seguem para o interior.
Estão garantidas a alimentação escolar de qualidade para um total de 19.289 alunos matriculados na educação básica do município e entidades filantrópicas e educativas.

A responsável técnica do Programa de Alimentação Escolar da Secretaria Municipal de Educação, a nutricionista Artemiza Pessoa, afirma que a merenda escolar é um compromisso da administração pública que não falha, uma vez que a cada 40 dias é entregue em cada escola.

Segundo Artemiza, alimentos industrializados, como por exemplo, enlatados, não fazem parte do cardápio dos alunos. “Todos os alimentos são os mais naturais possíveis, pois é uma recomendação do prefeito Alexandre da Carbrás. O interessante é que além dos produtos adquiridos por licitação pública, os alunos contam com alimentos da agricultura familiar como abacaxi, macaxeira, banana, jerimum, entre outros”, destaca a nutricionista.

O prefeito transformou a merenda em ação prioritária em sua gestão desde 2013, e lembra outras mudanças implementadas, como o transporte para a zona rural. “Lembro que o professor e gestor tinham que vir a Parintins, pagando do bolso para fazer o envio até as comunidades. Isso mudou com nossa intervenção”, recorda.

Para Carbrás, mesmo em época de crise e corte de verbas federais, uma de suas determinações é para que a qualidade da alimentação seja mantida. “Concordamos que hoje alguns serviços estão prejudicados em nossa cidade por falta de verba. Para mim, como gestor, é desconfortável ter uma rua esburacada, mas é inadmissível deixar uma criança sem alimento. E hoje a merenda escolar servida em Parintins édo mais alto padrão. São produtos de primeira, não usamos enlatados e isso só se faz de maneira balanceada, com o trabalho de nutricionostas”, enfatizou.

A gestora da Escola Municipal Luz do Saber, Rozene Filgueira, vê com satisfação que a prefeitura cumpre a entrega dos alimentos no período previsto. Ela garante que a diversidade de itens almentícios contribuem para a elaboração de um cardápio rico em nutrientes que vão ajudar a melhorar o desempenho escolar dos alunos. “Os mesmos produtos que vem pra nossa escola vão para todas as outras. O nosso gestor está de parabéns por proporcionar uma merenda de qualidade às crianças”, frisa.

O gestor da Escola Municipal Irmã Cristine, Jocifran Ramos, destaca que o comprometimento da administração pública com a merenda é alvo de elogios por mais 1.300 alunos que aprovam a qualidade da alimentação escolar. “Hoje temos alunos que melhoraram bastante dentro da sala de aula justamente por conta da merenda”, ressalta.

Neiva da Silva é mãe de dois alunos da Escola Irmã Cristine. Ela confirma que seus filhos sempre elogiam a merenda e se sentem motivados a frequentar as aulas. “Nunca ouvi dos meus filhos que na escola não tinha merenda. Eles nunca reclamaram, pelo contrário, sempre estão elogiando”.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.