Amazonas Política Saúde

Novo acelerador linear da FHemoam, entra em operação de junho

José Melo e Pedro Elias, recebem o novo equipamento/Foto Valdo Leão
José Melo e Pedro Elias, recebem o novo equipamento/Foto Valdo Leão
Redação
Escrito por Redação

A partir do dia 30 de junho vindouro, entra em operação do novo acelerador linear, a ser utilizado em procedimentos de radioterapia, na Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon), de acordo com anúncio feito durante visita do governador do Estado, no último sábado, à obra da casamata, onde o aparelho de ponta será instalado, quando destacou os investimentos destinados à ampliação da unidade que é referência no tratamento de câncer no Estado.
Acompanhado do secretário de Saúde, Pedro Elias, e do diretor do hospital, Marco Antonio Ricci, o governador percorreu as instalações, que estão com as obras 90% concluídas e adiantou que um segundo acelerador linear será adquirido para o hospital, aumentando ainda mais a capacidade de atendimento da fundação. “O primeiro acelerador deve ser instalado até junho e o segundo já está em fase de licitação. Também estamos providenciando a compra de outros equipamentos para melhorar o serviço de radioterapia do Cecon”, afirmou José Melo.

Diariamente, a FCecon realiza cerca de 190 sessões de radioterapia, número que representa cerca de 30% dos atendimentos feitos no hospital. Só em 2015, foram registrados 55,2 mil procedimentos de radioterapia, uma média de 4,6 mil ao mês. De acordo com o chefe do setor de Radioterapia, Leandro Baldino, com o novo aparelho, a unidade de saúde terá a capacidade de anteder cem novos pacientes que precisem passar pelo tratamento.

O diretor do hospital, Marco Antônio Ricci, explicou que o novo acelerador linear, além de possibilitar o aumento no número de pessoas atendidas, também vai trazer aos pacientes maior qualidade no tratamento, já que provoca menos efeitos colaterais do que o equipamento utilizado atualmente. “O novo equipamento permite que a radiação seja concentrada apenas no ponto onde se encontra o tumor, preservando o tecido ao redor”, explicou o médico.

Obras de ampliação – O governador José Melo também destacou que já está em andamento o projeto de ampliação da Fundação Cecon. Durante a visita, ele explicou como pretende transformar o local, que atualmente é o único centro de referência em oncologia em todo o Norte do país, recebendo pacientes do interior do Amazonas e também dos Estados vizinhos, em um dos hospitais mais modernos do Brasil.

“Onde funciona hoje o estacionamento, que se tornará subterrâneo, nós vamos construir uma nova ala, que vai abrigar, entre outros setores, a administração do hospital, deixando o prédio principal apenas para os atendimentos médicos. Esse prédio também vai sofrer uma grande reforma e o Cecon vai se tornar um hospital modelo para todo o país, com os equipamentos mais modernos que existam no mercado”, disse José Melo.

José Melo ressaltou que a ideia é firmar contrato com uma Organização Social (OS) para administrar o serviço oferecido pelo hospital, a exemplo do que já acontece no hospital da Zona Norte, Delphina Aziz, tornando a administração da unidade mais rápida e eficiente.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.