Amazonas Economia

Novo presidente do Sindifisco defende medidas para melhorar receita tributária

José Ricardo Castro, defende medidas para melhoria tributária/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

O auditor fiscal José Ricardo Castro que assumiu, na última terça-feira (05), a presidência do Sindicato dos Funcionários Fiscais do Estado do Amazonas (Sindifisco-AM), biênio 2016/2017, disse, diante dos indicadores econômicos preocupantes para 2016, que o Sindifisco vai adotar uma postura propositiva, formulando e apresentando medidas concretas que possam não apenas manter, mas, incrementar a receita tributária e as contribuições financeiras.
“Destaco, entre outras, a necessidade de revisão dos níveis de renúncia fiscal, cuja previsão para 2016 aponta para a espantosa cifra de R$ 7,601 bilhões”, observou, ressaltando que quer discutir e propor uma ampla reforma na política da substituição tributária. “Os indicadores da arrecadação apontam sinais de fadiga, muito provavelmente em razão da elisão e evasão praticadas em alguns segmentos como bebidas alcóolicas, refrigerantes, derivados de petróleo e gás, álcool anidro e transportes, entre outros”.

Outro ponto que merece atenção, segundo Castro, é o combate à sonegação fiscal. “É necessário uma mudança de postura quanto a esta questão. É primordial o combate à sonegação de forma qualificada, através do acompanhamento ostensivo dos grandes contribuintes e das grandes operações ou prestação de serviços”, afirmou.

Ele disse que quer reeditar a parceria Fisco/Administração, que já deu bons resultados no passado. O novo presidente destacou a importância de retomar a política de investimentos em infraestrutura operacional, capaz de dotar o fisco amazonense de todos os dispositivos tecnológicos modernos disponíveis (scanners, balança, comunicação de dados, viaturas inteligentes, entre outros) para a execução das atividades de controle físico das mercadorias. “Até hoje não há nenhum controle sobre a saída física dos bens produzidos no Estado, exatamente pela falta desta infraestrutura”, destacou.

A cerimônia de posse contou com a presença do vice-governador Henrique Oliveira, do ex-governador Amazonino Mendes e do secretário de Estado de Fazenda, Afonso Lobo, entre outras autoridades.

Nova diretoria (2016/2017)

Presidente: José Ricardo de Freitas Castro

1º Vice: Helena Maria Lopes Veiga

2º Vice: José Fernando Monteiro

Secretário Geral: Oswaldo Alves O. Filho

Suplente: Edmilson Melo de Oliveira

Depto. de Finanças e Patrimônio: Ricardo Fernandes Nery

Suplente: José Fernandes Pacheco

Depto. de Comunicação Social e Lazer: Aronso Rizzato

Suplente: Joana da Silva Goes

Depto. de Aposentados e Pensionistas: Roberto Lima Mesquita

Vice: Eli Sena da Silva

Depto. Jurídico: Luiz Osvaldo Barbosa Evangelista

Vice: José Heraldo da Silva

Depto de Atividade Sindical: Ernesto dos S. Chaves da Rocha

Vice: Alfredo Barroso da Costa Júnior

Diretor da Esata: Romildo de Aguiar Oliveira

Vice: José Maurício Belém Jr.

Conselho Fiscal

Titulares: Gilberto Cordeiro de Lucena; Ricardo Wagner Façanha Mendes e Manuel Rodrigues Bandeira Neto

Suplentes: Alberto Silveira Levy; Daniel Demóstenes Tavares Moura e Raimundo Gomes da Rocha

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.