Amazonas Formal & Informal

O PT vai disputar 23 prefeituras municipais no Amazonas

Redação
Escrito por Redação

Os nomes do Partido dos Trabalhadores (PT) para as próximas eleições municipais em todo o Estado, começaram a ser postos à mesa ontem (19) em uma reunião com presidentes diretorianos de 37 municípios do Amazonas.

Dos 62 municípios do Estado, o PT terá candidatura própria em 23, incluindo Manaus. Estão na lista, os municípios de Manacapuru, Itacoatiara, Presidente Figueiredo, Tefé, São Gabriel da Cachoeira, Rio Preto da Eva, Novo Airão, Itapiranga, Urucurituba, Maués, Codajás, Santo Antônio do Iça e outros, além de Manaus.

Para o presidente estadual da legenda Valdemir Santana, o Partido tem musculatura suficiente para encabeçar chapas majoritárias municipais em todo o Estado, mas vai respeitar o arco de alianças existente entre os partidos de esquerda, mais especificamente o PCdoB, que hoje está entre os principais aliados.

No entanto, em Manaus, o PT não abre mão de lançar candidatura própria para a prefeitura, em oposição ao prefeito que hoje registra alto índice de rejeição nas zonas mais populosas da cidade como: Zona Leste, Norte e Oeste.

Os principais candidatos a candidato à prefeitura de Manaus são: o ex-deputado federal Francisco Praciano, os deputados estaduais José Ricardo e Sinésio Campos. Correndo por fora, mas sem chances nenhuma de emplacar seu nome como candidato a prefeito de Manaus, aparece o filiado do partido Valtair Obando, que deve ter o apoio dele próprio e de mais uns dois ou três militantes da sua quase extinta base, enquanto isso, Praciano, em termos comparativos, aparece como noiva de maior dote, portanto, a mais assediada.

Na reunião da tendência do presidente Estadual da legenda, Valdemir Santana, Reunindo a Unidade na Luta (RUL), às 9h, hoje (20), ficou decidido que as inscrições para quem quer ser vereador/2016, estarão abertas até o próximo dia 12 de março, quando haverá uma outra reunião para definir a lista definitiva dos nomes dos candidatos.

Para ser candidato a prefeito, no entanto, basta que o interessado coloque o seu nome à apreciação do partido e esperar a resolução da executiva municipal, no próximo mês, com data ainda a ser definida.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.