Amazonas Cultura

Obras eruditas e caribenhas com grandes orquestras no TA

A OCA interpretará o ritmo erudito/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

Erudito e popular sobem ao palco do Teatro Amazonas no próximo final de semana, numa programação especial preparada para o entretenimento da população com a Orquestra de Câmara do Amazonas.

O envolvimento e o lirismo das obras de grandes compositores clássicos como Mozart, Villa Lobos, Santoro e Carlos Gomes farão parte do concerto apresentado no sábado (09), às 20h00, no Teatro Amazonas, pela Orquestra de Câmara do Amazonas, sob a regência do maestro e diretor dos Corpos Artísticos do Amazonas, Marcelo de Jesus.

No repertório, “Divertimentos nº 1”, de Wolfgang Amadeus Mozart (1756 – 1791), “Bachianas Brasileiras nº. 4”, de Heitor Villa Lobos (1887 – 1959), “Ponteio”, de Cláudio Santoro (1919 – 1989), “Burrico de Pau”, de Carlos Gomes (1836 – 1896) e “Cinco Miniaturas Brasileiras”, de Edmundo Villani-Cortês (1930).

Caribe!

No domingo (10), o ritmo da América Central invade o Teatro a partir das 19h00, com o concerto “Caribe!”,  sob execução do espetáculo a cargo da Amazonas Jazz Band, sob a regência do maestro Rui Carvalho, com entrada franca.

Durante o concerto, serão apresentadas obras de grandes nomes da música caribenha. Rhythm of Our World, do cubano Arturo Sandoval, abre o espetáculo, passando por Pura Emoción, de Chico O’Farril (1921 – 2001); Cuando Vuelva a Tu Lado, da mexicana Maria de Grever (1885 – 1951); e Tequilla, de Daniel Flores (1929 – 2006).

Os concertos marcam um momento especial para a cultura do estado, pois prepara o público para o grande festival de música clássica da região, considera o secretário de Estado de Cultura, Robério Braga: “Os concertos apresentados no Teatro Amazonas são formadores de público para o clássico, o erudito e o popular. Neles, é possível apreciar magníficas obras de compositores renomados de forma gratuita. Isso significa cultura de qualidade acessível a todos”, finalizou.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.