Amazonas Cidades

Operação ‘Comércio Verde’ é concluída com embargo e multas a madeireiras

Fiscalização Ipaam/Batalhão ambiental/Foto: Raquel Lima
Redação
Escrito por Redação

Iniciada no dia 1º de junho e encerrada na última na terça-feira (09), o Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), por intermédio de sua Gerência de Fiscalização, realizou uma operação para apreender madeira ilegal em lojas de material de construção em Manaus, denominada ‘Operação Comércio Verde’, em parceria do Batalhão Ambiental para fiscalizar depósitos e pátios de madeireiras, em Manaus.
Durante a operação foram vistoriados sete estabelecimentos, dos quais, três apresentaram irregularidades, no que diz respeito à falta de licença ambiental, e incoerências entre madeira existente nos pátios e o Sistema de Controle de Origem da Madeira (DOF).

Os fiscais, também, embargaram um depósito de uma madeireira. A operação teve como principal resultado, a apreensão de 23,14 m³ de madeira, além da aplicação de três autos de infração, em um total de R$ 112.712,56, em multas.

De acordo com a Gerência de Fiscalização, os estabelecimentos têm 20 dias para apresentar defesa junto ao Ipaam ou recolher o valor da multa aplicada. O objetivo do órgão é dar continuidade às operações, não só envolvendo a questão da madeira ilegal.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.