Amazonas Cidades

Operação de trânsito autua 98 ônibus alternativos com documentação alterada

Fiscalização Detran-Am e SMTU em ônibus alternativos/Foto: Roberto Carlos
Fiscalização Detran-Am e SMTU em ônibus alternativos/Foto: Roberto Carlos
Redação
Escrito por Redação

Garantir a segurança dos cidadãos que utilizam o transporte alternativo, foi o principal objetivo da operação realizada, pelo Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM), em parceria com o Sistema Municipal de Transportes Urbanos (SMTU), na avenida Grande Circular, na zona leste de Manaus, ocasião em que foram vistoriados 128 ônibus alternativos, sendo que 98 foram autuados por alteração nas características do veículo.
Durante a fiscalização foram encontradas diversas irregularidades de documentação dos veículos e na estrutura dos ônibus. Como é o caso da utilização de películas protetoras no para-brisa, o uso de calotas nas rodas dos transportes e escapamentos instalados de maneira irregular. O diretor-presidente do Detran-AM, Leonel Feitoza fez um acordo com os condutores de transporte alternativo autuados para que até o dia 21 de maio regularizarem as pendências. Segundo ele, a fiscalização serviu para chamar atenção de quem conduz esses transportes e coloca em risco a vida dos cidadãos.

“A população reclama muito aqui na zona leste, principalmente, da maneira como os alternativos procedem com os passageiros no dia a dia. Fazem paradas em locais inapropriados e não dão segurança aos veículos que estão do lado. E essa operação em conjunto veio para inibir esses e outros problemas de documentação e fora do padrão para circular na cidade”, comentou Feitoza.

Normas – O diretor de Transportes Urbanos da SMTU, Thiago Balbi, destacou que, de acordo com as normas do trânsito, é necessário que os motoristas dos transportes coletivos cumpram as regras da mesma maneira que os condutores de automóveis. “Eles precisam andar na velocidade adequado nas vias, parar em locais adequados para o embarque e desembarque de passageiros, e não é permitido e fazer o embarque e desembarque que não são determinados pela SMTU como paradas de ônibus”, frisou.

Quem passava pela via e se deparava com a fiscalização julgou importante a vistoria para a garantia de mais segurança. “Isso é bom porque esses alternativos não respeitam muitas vezes os passageiros e a gente fica sempre com medo de algum acidente com nossas vidas”, disse o aposentado, Luis Simões, de 60 anos de idade.

Motociclistas – Além dos transportes coletivos foram também vistoriados as motocicletas e os mototaxistas que não possuíam autorização para transportar passageiros. Na operação foram apreendidas 17 motos, sendo 2 que estavam fazendo transporte irregular de passageiros.

Feriado – Para o feriado prolongado, o Detran-AM vai intensificar a fiscalização nos principais pontos de saída da capital junto aos condutores de veículos que devem seguir rumo aos municípios da região metropolitana.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.