Amazonas Cidades Destaques

Operação integrada inibe crimes no Residencial ´Viver Melhor´, em Manaus

Operação " Viver Melhor", na Zona Norte/Foto: Nathálie Brasil
Redação
Escrito por Redação

Desde a última terça-feira (22), a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), as Polícias Civil e Militar e Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC), realizam a operação “Viver Melhor”, nas etapas 1 e 2 do conjunto habitacional, na zona Norte e onde vivem mais de 10 mil famílias, com  o objetivo de coibir o tráfico de drogas, roubos e os crimes contra a vida naquela área, como homicídios e tentativas de homicídios.
Segundo o secretário de Segurança Pública, Sérgio Fontes, a operação iniciou na última terça-feira (22) e segue a determinação do governador do Amazonas, José Melo. “É uma área considerada isolada e alguns criminosos se aproveitam desse fator para praticar crimes. Nossa operação mostra a presença da polícia e tem como objetivo  levar  tranquilidade para os cidadãos de bem que moram ali”, lembrou.

A primeira fase da Operação ‘Viver Melhor’ segue até esta segunda-feira (28), de 18h à meia noite. Cerca de 160 policiais, entre civis e militares, participam da operação que consiste em fazer incursões nas áreas do conjunto habitacional, policiamento ostensivo, barreiras para fiscalização de carros, motos, ônibus e pessoas. “Nessa primeira fase estamos seguindo o mapeamento de ocupar todas as áreas com policiamento ostensivo. Na segunda fase, iremos atuar com foco estratégico, seguindo o levantamento feito pela nossa inteligência para desarticular bocas de fumo e organizações criminosas”, disse.

O secretário destacou a importância dos moradores em utilizarem o disque-denúncia, 181, para realizar denúncias e contribuir com as ações da polícia no local. “Já temos um levantamento das áreas consideradas de maior incidência de crimes, mas a população pode nos ajudar, utilizando o nosso canal de denúncia, onde a identidade do cidadão é mantida em completo sigilo”, afirmou.

Prisão – Durante o segundo dia da operação na quarta-feira (23), Valdeci Santos Soares, de 37 anos, foi preso, por volta das 20h15, na primeira etapa do conjunto Viver Melhor, após ser flagrado assediando uma menina de 10 anos.

As câmeras de segurança de um comércio nas localidades registraram quando o homem seguia a menina e deu um beijo na boca da criança. Às equipes policiais, o preso e vítima confirmaram o acontecido.

No celular de Valdeci foram encontrados fotos de outras crianças em posses sensuais. O homem foi conduzido a Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca) da Polícia Civil, onde foi autuado pelo crime de estupro de vulnerável.

Abordagem e revista a veículo/Foto: Nathálie Brasil

                                          Abordagem e revista a veículo/Foto: Nathálie Brasil

...e a motociclista sobre documentação/Foto: Nathálie Brasil

                                   …e a motociclista sobre documentação/Foto: Nathálie Brasil

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.