Amazonas Cidades

Operação Jogos Olímpicos 2016 registra impacto positivo na segurança de Manaus

Órgãos reunidos no CICC avaliam primeiros impactos/Foto: Lindemberg Cavalvante
Redação
Escrito por Redação
Órgãos reunidos no CICC avaliam primeiros impactos/Foto: Lindemberg Cavalvante

         Órgãos reunidos no CICC avaliam primeiros impactos/Foto: Lindemberg Cavalcante

A Operação Jogos Olímpicos 2016, em Manaus, tem registrado impactos positivos na segurança da cidade de Manaus, com redução dos indicadores de criminalidade, segundo resultados obtidos pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), ressaltando que a operação integrada, da qual participam 35 órgãos das forças federais, estaduais e municipais, divididos nos eixos de Defesa, Segurança e Inteligência, segue cumprindo os protocolos de segurança firmados pelas representatividades do sistema, sem nenhum registro de ocorrência de grande porte.
O balanço sobre a atuação dos órgãos durante os primeiros jogos na Arena da Amazônia, foi apresentado no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC).

O primeiro dia de jogo na Arena da Amazônia, na quinta-feira (04), contou com a participação de todos os órgãos do Sistema Integrado de Segurança, além dos órgãos de saúde e trânsito. A estratégia de segurança seguiu sem nenhum incidente negativo.

De acordo com o secretário-executivo-adjunto de Planejamento e Gestão Integrada da SSP-AM, Coronel Dan Câmara, até o momento todos os protocolos da operação foram executados sem imprevistos. Ele destacou a diminuição de crimes na cidade, em uma semana,  como os casos de furto, tráfico de drogas, estupro, latrocínio e lesão corporal. “A estrutura para garantir o bem estar da população durante o evento esportivo reflete naturalmente na segurança da cidade”, disse.

Durante a reunião no CICC, cada órgão, de acordo com sua competência, fez a avaliação das ações já realizadas, como a escolta e acompanhamento das delegações durante os jogos e observações sobre a segurança dentro e fora da Arena da Amazônia. As análises serão enviadas aos Centros de Inteligência Nacional, estabelecidos em Brasília e no Rio de Janeiro, onde serão avaliados os protocolos que vêm sendo utilizados nas cidades que recebem jogos durante as Olimpíadas Rio 2016.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.