Amazonas Formal & Informal

´Operação Lei Seca´flagra 4 mil motoristas dirigindo embriagados, em 2015, em Manaus

Redação
Escrito por Redação

Com um aumento de 235%, em comparação a 2014, mais de 4 mil condutores foram flagrados dirigindo sob efeito de bebida alcoólica, durante a realização da operação “Lei Seca”, de janeiro à primeira quinzena de dezembro deste ano. Segundo o balanço divulgado pelo presidente do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM), Leonel Feitoza, na manhã de ontem, na sede do órgão, em Manaus.
Os dados do Detran-AM apontam, em 2015, 4.126 motoristas foram flagrados dirigindo embriagados, enquanto que em 2014, esse número foi de apenas 1.230. Segundo o presidente da instituição de trânsito, Leonel Feitoza, o aumento se deu em virtude das fiscalizações e que serão mantidas com operações de blitz 24 horas. “Iniciamos a campanha das operações de fim de ano, onde o órgão atuará com blitz da ‘Lei Seca’, em pontos estratégicos da cidade com revezamentos das equipes. As fiscalizações tanto da ‘Lei Seca’ e as normais serão 24 horas, de forma itinerante e fixa de barreiras”, explicou o presidente Leonel Feitoza.

O presidente do Detran-AM Leonel Feitoza informou ainda que, durante as operações, casas de shows, postos de combustíveis e os três locais onde acontece o Réveillon serão alvos das fiscalizações do departamento de trânsito. Um efetivo de 500 servidores, da Polícia Militar do Amazonas, Instituto de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans) e agentes do órgão farão parte da operação que encerra no dia 2 de janeiro de 2016.

Leonel ressaltou, que o número de pessoas flagradas dirigindo embriagada é um levantamento preocupante, devido essas pessoas ainda não terem a conscientização do perigo ao dirigir sob efeito de bebida alcoólica. Ao todo, o Detran-AM possui 50 bafômetros nas fiscalizações. Além dos equipamentos, radares móveis serão utilizados em pontos estratégicos da capital e nas rodovias da AM-010 e AM-070.

Campanha

Sobre a campanha fim de ano, Leonel afirmou que as ações de conscientização no trânsito estão focadas na imprudência. Segundo ele, muitos dos acidentes a imprudência é um dos causadores e um fato preocupante. “Acidente de trânsito acontece, mas quando o motorista ingere bebida alcoólica, dirigi de maneira perigosa, ultrapassa o limite de velocidade, não é mais acidente de trânsito, mas um crime devido a imprudência”, concluiu o presidente Leonel Feitoza. Para 2016, o Detran-AM, mais medidas serão tomadas com campanhas de conscientização.

As fiscalizações serão intensificadas em parceria com o Batalhão de Trânsito da Polícia Militar (Batran). Na manhã de quarta-feira (23), quatro veículos modelo Voyage, 15 motocicletas, duas Vans e dois caminhões plataforma foram entregues. A operação inicia a partir desta quinta-feira (24) a partir das 12h.

Balanço

Em 2015, 29.236 pessoas flagradas alcoolizadas conduzindo veículos e sem Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Em 2014, esse número foi de 26.170, totalizando 33.787 com habilitações suspensas. Ao todo, 837.291 veículos trafegam no Estado. Em Manaus, o levantamento aponta 691.117, enquanto o interior 146.174 trafegam.

Outro dado significativo para o Detran-AM foi a diminuição de mortes no trânsito em 20% ao longo deste ano. Segundo o departamento, 236 mortes foram registradas, em comparação a 2014 que registrou 288 casos.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.