Amazonas Cidades

Órgãos de Segurança dão início à Operação ‘Temporada de Cruzeiro’

Iniciada a temporada de Cruzeiros, em Manaus/Foto: Divulgação
Iniciada a temporada de Cruzeiros, em Manaus/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

Em parceria com a Empresa Estadual de Turismo (Amazonastur) e a Fundação Municipal, Cultura, Turimo e Eventos (Manauscult), a Secretaria de Segurança Pública do  Amazonas (SSP-AM), as Polícias Civil e Militar, iniciaram ontem, domingo (08), a operação “Temporada de Cruzeiros”, que tem o objetivo de proporcionar segurança aos turistas que chegam a Manaus na temporada de navios turísticos 2015.
A operação iniciou com a chegada do navio Seabourn Quest, ontem. O cruzeiro trouxe, aproximadamente, 800 pessoas, entre turistas e tripulantes, e ficará em Manaus até amanhã, terça-feira (10). A operação vai seguir até março do ano que vem, época em que encerra a temporada dos cruzeiros na capital.

Segundo o secretário-executivo-adjunto de Planejamento e Gestão Integrada da SSP-AM, Dan Câmara, para a operação, foi motando um plano tático de segurança integrada, que consiste na ação integrada dos órgãos de segurança por meio de ações de prevenção, policiamento ostensivo e pronta resposta necessárias para manter a sensação de segurança aos turistas.

“Nós fizemos o remanejamento de algumas câmeras para locais estratégicos onde deve haver maior circulação de turistas, a exemplo do Teatro Amazonas, Palácio Rio Negro, Mercado Adolpho Lisboa, as vias de acesso ao Porto de Manaus e até mesmo no aeroporto Eduardo Gomes. O monitoramento dessas áreas deve ser feito por meio do Sistema Integrada de Comando e Controle (SICC) e de seus órgãos de execução”, disse.

Participam da Operação ‘Temporada de Cruzeiros’ órgãos de segurança das esferas federal, estadual e municipal, entre eles: Polícia Militar, Polícia Civil, Detran-AM, ManausTrans, Polícia Federal, Marinha do Brasil, Corpo de Bombeiros, Ouvidoria, Corregedoria, Ouvidoria, Samu, Susam e outros.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.