Amazonas Cultura

‘Orquestra de Violões convida Camerata de Ukulelê’, no Teatro AM

Orquestra de Violões no TA/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

Um show com instrumentos produzidos artesanalmente pelos próprios músicos, e um repertório repleto de sucessos, é o que o público vai conferir no concerto “Orquestra de Violões convida Camerata de Ukulelê”, que será realizado, gratuitamente, hoje, domingo (26) e na terça-feira (28), no Teatro Amazonas.
As apresentações acontecerão às 19h00 e 20h00, respectivamente. O espetáculo será apresentado pela Orquestra de Violões do Amazonas, que convidou o grupo musical “Ukulelê” do município de Manacapuru (distante 70 quilômetros de Manaus). Eles fazem parte de projeto cultural desenvolvido pelo Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), que utiliza madeiras caídas para a confecção de instrumentos, que são produzidos pelos próprios músicos.

O nome do grupo faz referência ao Ukulelê, instrumento de cordas que assemelha-se ao cavaquinho e que foi criado no Havaí (EUA). Ao todo, serão 32 músicos no palco, sendo 20 da Orquestra de Violões do Amazonas e 12 do Ukulelê. “A Secretaria de Estado de Cultura incentiva fortemente os coordenadores dos corpos artísticos do Governo do Amazonas a realizarem essa troca de experiência e produzirem espetáculos cada vez mais inusitados, oferecendo à plateia parcerias inusitadas”, afirmou o secretário de Estado da Cultura, Robério Braga.

A regência do espetáculo ficará a cargo do maestro da Orquestra de Violões do Amazonas, Davi Nunes. De acordo com ele, o repertório é uma mistura de estilos e com músicas de várias épocas. “A seleção das músicas foi feita junto com os próprios músicos e o ukulelê será o protagonista destas apresentações. Produzimos arranjos inéditos para canções de artistas como os amazonenses Pereira e Raízes Caboclas”, afirmou o maestro. O repertório conta ainda com sucessos internacionais de bandas como Guns N’ Roses e canções da trilha sonora da Saga Crepúsculo, um dos maiores sucessos do cinema mundial recente. O espetáculo terá aproximadamente uma hora de duração e os portões do Teatro Amazonas serão abertos sempre meia hora antes do início das apresentações.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.