Amazonas Política

Pacto pela Educação representa ‘democratização da informação’, diz Josué Neto‏

Deputado Josué Neto, Pacto pela Educação redemocratiza informação/Foto: Roberto Carlos
Redação
Escrito por Redação

O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas, deputado estadual Josué Neto (PSD), disse que Pacto pela Educação do Amazonas, lançado ontem, segunda-feira (21), pelo governador José Melo (PROS), reforçará o “acesso democrático a educação no Estado”. Ele falou sobre o assunto logo após cerimônia de lançamento realizada no Centro de Convenções Vasco Vasques, zona centro-sul de Manaus.
O Pacto é uma parceria do Governo do Estado com as 61 prefeituras do interior para fortalecer e elevar a qualidade de ensino. Um dos objetivos é melhorar os resultados no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) no Amazonas.

Durante o evento foram entregues os primeiros tablets de um total de 28 mil que serão repassados aos professores da rede pública municipal dos 62 municípios. Josué Neto definiu o momento como a “democratização da informação” e destacou que as medidas vão estimular a promoção de novos métodos de ensino cada vez mais eficazes. “A partir de agora tudo o que há de mais democrático, como o acesso às informações, aos Sistemas de Avaliação do Desempenho Educacional do Amazonas e materiais de reforço estarão acessíveis aos professores”, afirmou.

Josué Neto lembrou que o estado do Amazonas foi o que mais cresceu no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) municipal. Os profissionais que vão receber os tablets atuam no ensino fundamental, do 1º ao 9º ano, e vão poder usar a ferramenta tecnológica para promover ainda mais crescimento dos indicadores educacionais de cada município.

Os prefeitos assinaram o Pacto que prevê entre as metas a ampliação de 0,2 pontos no Ideb em cada interior a cada dois anos, alcançando até 2019 um total de 0,6 pontos. Uma das principais metas apresentadas foi a redução de 2,0 pontos ao ano da taxa de distorção-idade série, de modo que seja reduzida em 8,0 pontos até o final de 2019.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

1 comentário

  • Esse sujeito não sabe o que é educação. Se soubesse , faria com que o governo cumprisse o que assinou no diário oficial sobre reajuste salarial, data-base do professor.É a melhor motivação.

error: Ops! não foi dessa vez.