Amazonas Formal & Informal

Padre diz que vai fechar escola da prefeitura por falta de pagamento

Criança da escola infantil de Manaus, correm risco de ficar sem aula.
Criança da escola infantil de Manaus, correm risco de ficar sem aula.
Redação
Escrito por Redação

O Centro Municipal de Educação Infantil, CMEI Padre Pedro Gabriel de Oliveira Neto, no bairro Nossa Senhora das Graças, pode ser fechada até a próxima sexta-feira (23), por falta do pagamento de aluguel.

Gerida pela prefeitura de Manaus, a escola está com o pagamento do aluguel atrasados desde maio de 2015. Na novena de terça-feira, na paróquia de Nossa Senhora das Graças, o padre Mauro Cleto, disse em alto e bom tom, que não iria suportar a irresponsabilidade da prefeitura com a falta de pagamento e que estava prestes a impedir o funcionamento da escola.

Disse ainda que passaria um cadeado no portão até que a Prefeitura resolvesse quitar a dívida com o CMEI. Hoje (22), porém, o Padre Mauro disse que só não trancafiou a escola porque tem “pena” das crianças. A Escola de educação infantil, para crianças de 3 a 5 anos, tem 172 alunos estudando regularmente. Em alguns casos, a Igreja tem que custear até a merenda, mesmo essa sendo uma atribuição da prefeitura.

A única coisa que não está regular no CMEI é compromisso da prefeitura com a Escola. Mas esse não é um privilégio só do CMEI da Igreja Nossa Senhora das Graças. De acordo com o Padre Mauro, outros centros de educação infantil mantidos pela prefeitura, estão passando pelo mesmo problema de falta de abastecimento e pagamento do aluguel.

O padre adiantou também, que nunca teve problema com os prefeitos anteriores. A escola sempre foi plenamente abastecida na prefeitura de Serafim Corrêa e de Amazonino Mendes, mas na gestão do Arthur Neto, tem enfrentado todo tipo de problemas e sem previsão de solução.

Igreja Nossa Senhora de Fátima, em Manaus.

Igreja Nossa Senhora das Graças, em Manaus.

Garrafa Pet

A igreja Nossa Senhora das Graças, no bairro do mesmo nome, está realizando uma campanha em convênio com a Ambv, no sentido de recolhimento de garrafas pets, para serem trocadas por alimentos e tem como objetivo os cuidados com o meio ambiente.

Os moradores estão recolhendo as garrafas no próprio bairro, e trocam 25 unidades por 1Kg (um quilo) de alimento. A troca está sendo realizada na própria igreja, com o Padre Mauro e com a coordenadora educacional infantil Cinthia Câmara.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

1 comentário

  • Fala sério, esse prefeito é o pior da história da educação municipal. Escolas sem merenda, aluguéis atrasados, alunos sem fardamentos e por aí vai. Ôooo povo pra gostar de sofrer.
    Padre Mauro cleto, gostaria de revê-lo.

error: Ops! não foi dessa vez.