Amazonas Economia

Parceria da ADS com comunidades prevê aumento da produção de abacaxis, em Manaus

Convênio garante aumento da produção de abacaxis/Foto: Arquivo
Convênio garante aumento da produção de abacaxis/Foto: Arquivo
Redação
Escrito por Redação
Convênio garante aumento da produção de abacaxis/Foto: Arquivo

                       Convênio garante aumento da produção de abacaxis/Foto: Arquivo

Visando aumentar, em 233% a produção de abacaxi voltada ao atendimento do Programa de Regionalização da Merenda Escolar (Preme), a Agência de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (ADS), da Secretaria de Produção Rural (Sepror), acaba de fechar parceria com a Comunidade de São Francisco do Caramuri, na zona rural de Manaus, de acordo com o presidente do Órgão Lissandro Breval.
A medida atende as diretrizes de gestão do governador do Estado.  “Acreditamos que essa parceria permitirá que a cooperativa aumente sua produção de 300 mil para 1 milhão de pés de abacaxis. Especificamente, neste local, estamos na fase inicial das obras nas vicinais, mas estamos tentando acelerar os serviços para que possamos melhorar o escoamento de abacaxis ainda neste semestre”, disse o presidente da ADS, durante visita à comunidade que leva o mesmo nome da cooperativa.

No primeiro semestre deste ano, segundo Breval, foram entregues 20 mil quilos da fruta nas escolas, 10% da meta estabelecida pelo Preme que é de 200 mil. “Estamos aumentando a interação com os produtores, nas agroindústrias, redes de supermercados e feiras livres para expandir o produto. Paralelo a isso, trabalhamos na abertura de novos canais de escoamento”, observou Breval.

Ele lembrou que em virtude das dificuldades nos ramais que ligam à zona rural à capital, as associações produziam em menor quantidade para não ter muito prejuízo com a distribuição e entrega dos seus produtos ao consumidor final. “Conseguimos mostrar aos produtores os benefícios que iriam conseguir com as obras das vicinais em andamento e firmamos o compromisso de absorver parte da produção para atender  o Programa de Regionalização da Merenda Escolar”, disse.

No cardápio

O abacaxi está na lista dos 50 produtos que são distribuídos na merenda escolar das escolas públicas de 45 municípios do Amazonas. Rico em vitamina A, a fruta ajuda na digestão, protege contra doenças e fortalece os ossos. “Hoje, essa fruta é comprada a R$ 5 para duas unidades nas feiras e muitas famílias não têm condições de levá-la para o cardápio de casa. E com o aumento da fruta na merenda escolar, a criança terá mais acesso na escola”, observou Lissandro Breval.

Desde 2015, o Governo do Amazonas está investindo na recuperação e construção das vicinais para ajudar no escoamento da produção e no desenvolvimento do setor primário do Estado.  Para o produtor da Associação de São Francisco de Caramuri, Daniel da Silva, o avanço nas obras é um incentivo a mais para que os agricultores continuem a produção em ritmo acelerado.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.