Entretenimento

Pepeu se emociona em show com Baby do Brasil no Rock in Rio

pepeu_gomes_chora
Redação
Escrito por Redação

Baby do Brasil e Pepeu Gomes viraram o casal-sensação do terceiro dia do Rock in Rio 2015. A reunião dos artistas, após 27 anos sem tocarem juntos, não apenas provocou lágrimas, como também um duelo de guitarras em família, entre Pepeu e o filho, Pedro Baby. Com poucas músicas, o setlist arrebatou o público e foi um dos pontos altos do primeiro fim de semana do festival.Bastou colocar os pés no palco para que Pepeu Gomes se emocionasse: ao ser chamado por Baby do Brasil, o guitarrista colocou as mãos nos olhos, contendo as lágrimas. O reencontro não era apenas do casal, que ficou junto por 18 anos e está separado há 24, mas selava uma reunião familiar em cima do palco.

 
Seguidor dos ensinamentos do pai com a guitarra, Pedro Baby teve a oportunidade de duelar com Pepeu. As duas guitarras deixaram o som encorpado e alto para os sucessos de Baby (“Telúrica”, “Menino do Rio”), Pepeu (“Masculino/Feminino”, “Mil e Uma Noite de Amor”) e da banda que os uniu nos anos 1970, o Novos Baianos (“Tinindo Trincando”, “A Menina Dança”).

Em um desses momentos em que pai e filho rivalizavam nos solos, Baby estendia o braço entre os dois. Ao fim, exclamou: “Glória a Deus, aleluia”. “Este é um momento único da música brasileira. Só depois de cem anos isso vai acontecer de novo”, disse.

Durante “Todo Dia Era Dia de Índio”, ela se manifestou a favor dos índios. “Eles são maravilhosos, eles precisam ser protegidos por essa geração”, disse ao público. No encerramento do show, com “Masculino e Feminino”, Baby colocou uma barriga postiça em que se lia a inscrição: “Jesus forever” — era uma homenagem ao show que o casal fez em 1985, quando Baby fez uma apresentação ensandecida grávida, com o barrigão de fora.

(UOL)

 

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.