Amazônia Pará

PF faz operação contra corrupção de servidores do Ibama, no Pará

As denúncias foram feitas ao MPF pelas próprias vítimas/Foto: Divulgação/PF
As denúncias foram feitas ao MPF pelas próprias vítimas/Foto: Divulgação/PF
Redação
Escrito por Redação

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã desta quinta-feira (13) a Operação Lupa II, que visa apurar um esquema de corrupção envolvendo servidores públicos em Santarém, no oeste paraense. Pelo menos um do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) foi preso, acusado de integrar o esquema.

Segundo a PF, há um ano os policiais investigam a denúncia de que servidores públicos exigiam propina a donos de madeireiras embargadas e com restrições para que estas empresas fossem liberadas a funcionar. As denúncias foram feitas ao Ministério Público Federal pelas próprias vítimas.

As denúncias foram feitas ao MPF pelas próprias vítimas/Foto: Divulgação/PF

As denúncias foram feitas ao MPF pelas próprias vítimas/Foto: Divulgação/PF

Foram cumpridos um mandado de prisão preventiva a um servidor do Ibama, quatro mandados de busca e apreensão em casas e no escritório do Ibama e dois afastamentos cautelares a servidores do órgão. Policiais ainda apreenderam notebooks, pen dirves, celulares e diversos documentos, que deverão ser analisados.

A operação Lupa I foi deflagrada em 2014, em parceria com o IBAMA, e também teve como objetivo o combate à corrupção. A ação resultou numa intervenção do IBAMA por 30 dias para auditoria dos processos administrativos.

Foto: DOL

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.