Amazonas Política

Plínio Valério defende porta alternativa em Banco, mantendo-se a giratória

Vereador Plínio Valério(PSDB)/Foto: Robervaldo Rocha
Redação
Escrito por Redação

O vereador Plínio Valério (PSDB), durante pronunciamento na Câmara Municipal de Manaus (CMM), na manhã de hoje, segunda-feira (1º), disse que vai apresentar um Projeto de Lei (PL), que obrigue as agências bancárias a colocar uma porta alternativa e manter a giratória, já existente, considerando que o Banco do Brasil, já vem adotando a política de retirada das portas giratórias de suas agências, por estar sofrendo processos, por conta dos constrangimentos por que passam alguns clientes.
De acordo com o parlamentar, durante reunião com alguns bancários do próprio Banco, e o Sindicato dos Bancários do Amazonas (Seeb/AM), o pedido para que a Casa apresente uma proposta que obrigue as agências bancárias a manterem a porta giratória, e colocar uma porta alternativa, foi unânime, principalmente, por conta dos constantes assaltos ocorridos nas agências.

Na ocasião, o vereador lembrou os assaltos ocorridos nos últimos 30 dias, em duas casas bancárias, em Manaus, e poucos dias depois, outro assalto bancário no município de Iranduba. “Não quero saber de reclamações de banqueiros por conta dos processos, esse tipo de problema deve ser resolvido entre o banco e as empresas de vigilâncias contratadas. Tenho que me ater às reclamações da população, que fica a mercê da insegurança e da bandidagem. Sem porta giratória a bandidagem aumenta”, disse Plínio Valério.

“O PL está aí, ele prevê a porta giratória como obrigação e a porta alternativa como opção para pessoas com deficiência, idosos e obesos”, disse Valério, ao adiantar que o presidente do Sindicato dos Bancários deve vir ao plenário da Casa Legislativa para explanar sobre o assunto em tribuna popular.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.