Amazonas Cidades

Polícia Militar detém 228 suspeitos de assaltos a ônibus e terminais, em 2015

Subcomandante Rubem Sá, da PMAM/Foto: Lindemberg Cavalcante
Subcomandante Rubem Sá, da PMAM/Foto: Lindemberg Cavalcante
Redação
Escrito por Redação

Dados do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), apontam que 228 suspeitos de envolvimento em assaltos a ônibus e terminais do transporte público, foram detidos durante atuação ostensiva da Polícia Militar no ano de 2015, sendo que, a maioria dos casos ocorreu logo após a tentativa de roubo ou em casos em que os suspeitos foram capturados durante fuga.
Hoje, quarta-feira (06), por volta das 11h50, policiais da 30ª Companhia Interativa Comunitária (30ª Cicom), prenderam dois suspeitos de assalto a um micro-ônibus que faz rota para o bairro Cidade de Deus, na zona Norte. Com eles, foi apreendido um revólver de calibre 32 com cinco munições intactas, e vários celulares. Conforme levantamento da Polícia Militar, os presos moram no bairro Tancredo Neves e entraram no micro-ônibus já com a intenção de praticar o assalto. Eles fugiram pela rua Autaz Mirim onde foram presos pelos soldados Lucas Souza e Álvaro Nery da 30ª Cicom.

Durante reunião nesta semana, a Polícia Militar anunciou a criação de uma Força-Tarefa reunindo órgãos municipais, SSP-AM e ainda o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram) e Sindicato dos Rodoviários, para prevenir esse tipo de crime.

Desde a última segunda-feira, o policiamento nos terminais de ônibus foi reforçado pelas Companhias Interativas Comunitárias (Cicoms) que atendem as áreas dos grandes terminais, onde uma viatura ficará permanentemente no horário de funcionamento. O subcomandante da Polícia Militar, coronel Rubens de Sá, destacou que verificou pessoalmente nesta quarta-feira, o cumprimento desta determinação. “É importante ressaltar que, caso haja alguma ocorrência nas proximidades dos terminais, essa viatura também poderá atender, como aconteceu nessa semana, em que os suspeitos foram presos armados, na rua ao lado do terminal de ônibus”, disse.

A SSP-AM, por meio da Secretaria Executiva-Adjunta de Operações (Seaop), irá dar apoio na Força-Tarefa para identificar os suspeitos de praticar os crimes. De acordo com o secretário-executivo-adjunto de operações, Orlando Amaral, não existem quadrilhas especializadas em assaltos a ônibus. “Geralmente, são pessoas do próprio bairro ou da área por onde a linha passa. Para eles, é um crime de oportunidade para roubar a renda e os pertences dos passageiros”, disse.

Mais prisões

Na ultima segunda-feira (03), policiais Militares da 18ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), em patrulhamento pela avenida Tenente Roxana Bonessi, zona Norte da capital, prenderam um suspeito e apreenderam dois menores de idade, que assaltaram um ônibus coletivo da linha 500. Os policiais deram voz de prisão aos suspeitos, que ainda tentaram fugir, porém, foram contidos nas proximidades do local do roubo. “Nós estávamos realizando policiamento ordinário naquela área quando percebemos que os infratores estavam assaltando o coletivo e eles ao perceberem nossa presença tentaram fugir. Foi quando os impedimos e prendemos os três homens com todos os pertences das vítimas”, informou o sargento Valci, que comandou a ação.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.