Cidades

Policiais se reúnem na Djalma Batista e afirmam que já estão em greve

Escrito por Kamyla Gomes

Mais de 100 policiais, dentre eles civis e militares, já se encontram reunidos, desde às 16h desta quarta-feira (14), em frente à Reitoria da Universidade Estadual do Amazonas (UEA), localizado na avenida Djalma Batista. Segundo eles, a greve já está valendo.

De lá, os policiais iriam se deslocar para a Assembléia. A principal reivindicação é a questão das promoções e também a data base que a categoria exige.

Em audio, lideranças do movimento grevista prometem se aquartelar em um prédio público até obterem resposta do governador José Melo. Os policiais militares vem tentando falar com o governador a meses, mas sem resposta do executivo.

Na tarde do último sábado (10), policiais militares se reuniram na sede da Associação dos Cabos e Soldados da Polícia e Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (ACS) para a definição do dia em que a corporação entraria em greve.

Os policiais já vinham lutando há meses esperando algum posicionamento e esclarecimentos.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.