Amazonas Política

Políticas públicas à Redução de danos no AM serão discutidas, em Manaus

Políticas públicas em debates/Foto: Divulgação
Políticas públicas em debates/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

A Associação de Redução de Danos do Amazonas (ARDAM) promove, a partir de hoje, quarta-feira (09), três eventos paralelos voltados para a discussão das políticas públicas do Amazonas, relacionadas à redução de danos em diversas áreas, como as drogas lícitas e ilícitas, entre outros.
Até a sexta-feira (11), as discussões acontecerão como parte da programação do 2º Seminário de Redução de Danos, 2º Encontro Estadual de Redutores de Danos e o 4º Encontro de Redutores de Danos da Região Metropolitana de Manaus.

As atividades serão realizadas no Auditório Luiz Montenegro, na Fundação de Medicina Tropical. A abertura dos trabalhos, que acontece hoje (09), está prevista para às 14h00. Nos demais dias (10 e 11) a programação desenvolvida entre 08h00 e 17h00.

Secretarias do Estado e do Município, departamentos ligados a assistência social, setores da segurança pública, entidades e empresas ligadas à política sobre drogas, devem participar das atividades.

Também, serão representadas as populações indígenas do Alto Solimões através do Distrito Sanitário Especial Indígena (Dissei) do Vale do Rio Javari, do Ministério da Saúde através do departamento Nacional de DST/AIDS e Associação Brasileira de Redução de Danos (ABORDA).

A meta da ARDAM é reunir uma média de 100 participantes ligados à redução de danos, a exemplo de pessoas que não conseguem parar de usar drogas, tanto as licitas (álcool), quanto as ilícitas (entorpecentes).

De acordo com a presidente da ARDAM, Evalcilene Santos, entre os adultos há maior consumo de álcool e entre os jovens a problemática está no uso da pasta base de cocaína. Apesar desse quadro, praticamente não existem políticas voltadas para a redução de danos no Amazonas. “Hoje se tem políticas de repressão e, de forma muito capenga, uma política de prevenção, porém, as autoridades não se preocupam em reduzir o problema existente. Para se ter uma ideia, a capital não tem consultório na rua, e nem um Caps/AD, etc. Isso tudo só existe em Manacapuru, Manaus ficou esquecida e a grande maioria dos problemas está aqui”, ressaltou Evalcilene.

Redução de danos

A redução de danos é um conjunto de políticas e práticas cujo objetivo é reduzir os danos associados ao uso de drogas psicoativas em pessoas que não querem, não podem e não conseguem parar de usar drogas.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.