Amazonas Educação Política

‘Pranto do Jabuti’ complementa metodologia de curso CMM/TJAM

Livro complementa metodologia de curso/Foto: Tiago Correa
Livro complementa metodologia de curso/Foto: Tiago Correa
Redação
Escrito por Redação

O curso de Agente de Informações Turísticas, realizado em parceria entre a Câmara Municipal de Manaus (CMM) e o Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), na Escola do Legislativo Vereadora Léa Alencar, destinado a adolescente em situação de risco social, com a oferta de quatro cursos profissionalizantes, introduziu, como complemento pedagógico, a leitura do livro “O Pranto do Jabuti”.
Produzido pelos autores locais, Edgardina Jesus Silva e Ariel Amzalak Eremita, o livro chama a atenção para o contrabando da fauna e da flora na Floresta Amazônica.

O curso, que iniciou no dia 27 de julho e integra o projeto ‘Uma nova escolha’, que vai beneficiar, no total, 120 adolescentes, encerra na próxima terça-feira (2 de setembro). Voltado para a empregabilidade, o treinamento está oportunizando esses jovens com a qualificação para o mercado de trabalho, com aulas teóricas e práticas, como ressaltou nesta sexta-feira (28), a diretora da Escola do Legislativo Municipal, Cristiane Monteiro.

Cinquenta livros foram adquiridos pela Escola do Legislativo Municipal e distribuídos aos alunos. Cristiane Monteiro ressaltou o recurso didático-pedagógico excelente e alinhado com o curso de formação turística. “O conto o Pranto do Jabuti tem uma linguagem fácil e acessível, e seu conteúdo está totalmente relacionado com o curso, uma vez que mostra aos turistas como devem se comportar perante a nossa flora e fauna e evitando o contrabando de animais silvestres, plantas medicinais e exóticas da floresta tropical”, argumentou a diretora.

Para participar do curso, os adolescentes passaram por uma seleção dos Juizados da Infância e Juventude Cível e Infrator do TJAM. Participam do curso adolescentes com idade igual ou superior a 14 anos, com matrícula e frequência escolar comprovada, e em  cumprimento de medida socioeducativa no sistema aberto (liberdade assistida e prestação de serviço à comunidade, há pelo menos um mês).

O curso de Agente de Informações Turísticas é o primeiro do projeto “Uma nova escolha”. Os participantes estão recebendo um conteúdo programático elaborado pelo Centro de Tecnologia do Estado do Amazonas (Cetam), que incluem Fundamentos do Turismo e Hospitalidade, Organização dos Equipamentos e Serviços Turísticos, Noções de Sustentabilidade no Turismo, Patrimônios Turísticos no Amazonas e Qualidade no Atendimento ao Turista.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.