Amazonas Cidades

Programa de Formação de Desenvolvedores de Softwares chega a Iranduba/AM

Secretário Rossieli Soares abre a cerimônia, em Iranduba/Foto: Nathalie Brasil
Redação
Escrito por Redação

Com o objetivo de dar oportunidades a jovens estudantes da rede pública estadual de ensino para uma formação teórica e prática no segmento de tecnologias, foi lançada, ontem (17), no município de Iranduba, mais uma etapa de expansão do Programa para Formação de Desenvolvedores de Softwares.
Já executado nos municípios de Itacoatiara e Manacapuru, onde beneficia 800 estudantes, em Iranduba, o programa de formação chegará a 160 alunos, iniciativa coordenada pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc), em parceria com a Fundação Centro de Análise, Pesquisa e Inovação Tecnológica (Fucapi), e, em Iranduba, com a empresa Panasonic do Brasil.

O programa que teve sua aula inaugural realizada no Centro de Educação de Tempo Integral Izabel Desterro e Silva, e beneficiará jovens como Kelson Pereira Gomes. Com 20 anos de idade completos, Kelson é cadeirante e aluno do 1º ano do ensino médio do Ceti Izabel Desterro. Para ele, o programa vai contribuir com o desenvolvimento e formação dos jovens do município.

“A expectativa é que o programa contribua com o nosso desenvolvimento. Desde a minha infância, tenho interesse em novas tecnologias e acredito que esta será a oportunidade de aprimorar o conhecimento que já tenho, assim como de adquirir novos”, citou Kelson, acrescentando que tem como um de seus objetivos fazer graduação na área tecnológica.

Desenvolvimento de jovens – Participando da cerimônia de lançamento do Programa em Iranduba, o secretário de Estado de Educação, Rossieli Soares da Silva, mencionou que a formação é uma iniciativa do Governo do Estado cujos objetivos é favorecer o desenvolvimento dos jovens, apresentando-lhes novas oportunidades.

“De iniciativa do Governo do Estado, o Programa para Formação de Desenvolvedores de Softwares oferece aos jovens uma consistente formação na área de informática, capacitando-os para desenvolver habilidades no ramo tecnológico e dando a eles, perspectivas para atuação em novas frentes de atividade profissional”, destacou Rossieli Soares da Silva.

Segundo o secretário, da mesma maneira que acontece em Itacoatiara e Manacapuru, em Iranduba, agregando estudantes do ensino médio de várias escolas do município, o programa terá duração de dez meses, abrangendo aulas teóricas e práticas, totalizando 650 horas de formação.

Oportunidade – Os irmãos Mateus Arantes, 15 anos, e Gedeão Arantes, 17 anos, ambos estudantes da Escola Estadual Senador João Bosco Ramos de Lima, localizada em Iranduba, participarão do programa. Para ambos, é grande a expectativa pelas programações de formação.

Também participaram da cerimônia de lançamento do Programa em Iranduba, a presidente da Fucapi, Isa Assef e o diretor Industrial da Panasonic, Hiroshi Ayukawa.

“Eu é meu irmão aguardamos com ansiedade o início do programa. Acreditamos que ele fará a diferença em nossa formação. Esperamos poder utilizar, futuramente, todo o aprendizado adquirido. Aprendizado este que será de grande utilidade, inclusive, para nossa inserção no mercado de trabalho”, disse Mateus Arantes.

Em Iranduba, as aulas do programa serão ministradas no Ceti Maria Izabel Desterro e Silva, nos turnos matutino e vespertino, integrando 80 alunos em cada turno.

Alunos em sala de aula recebem orientação/Foto: Nathalie Brasil

Alunos em sala de aula recebem orientação/Foto: Nathalie Brasil

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.