Amazonas Cidades Educação

Programa Educações prorroga inscrições para atender demandas de candidatos

Estudante buscam uma vaga ma seleção/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação

O Programa Educações prorrogou até o dia 19 de fevereiro, as inscrições no processo seletivo para 10.000 novas bolsas de estudo de até 50% do valor das mensalidades para educação básica (infantil, fundamental e médio) e superior (graduação e pós-graduação), que seriam encerradas nesta sexta-feira (05).
O programa já superou a marca de 30 mil candidatos para esse processo.  Por conta disso, as instituições parceiras estão abrindo novas turmas para atender a grande procura, segundo informa o presidente do programa, professor Rony Siqueira. “Tivemos um número recorde de inscrições, principalmente, no Ensino Básico, onde as bolsas de estudo são uma boa opção para quem quer manter o filho na escola participar, pagando uma mensalidade menor, principalmente, nesse momento de crise financeira que afeta nosso Estado”, destacou.

Ele destaca que os candidatos podem se inscrever através do portal www.educacoes.com.br, na sede do programa, situada à Rua Ramos Ferreira nº 664 A – Centro, ao lado da Praça da Saudade, com atendimento de segunda à sexta, de 08h às 18h e aos sábados, de 08h00 às 12h00.

Até o momento 14 Instituições da Educação básica e superior participam do processo, dentre elas: Faculdade Salesiana Dom Bosco, Centro de Ensino Superior Fucapi, Instituto de Ensino Superior Materdei, Faculdade Metropolitana de Manaus – Fametro, Universidade Nilton Lins, Centro de Ensino Educar, Centro de Recreação Infanto/Juvenil–Crij, Colégio Nossa Senhora Auxiliadora, Colégio Dom Bosco, Escola Fucapi, Escola Helena Romero, Colégio Palas Atena, Escolas Nilton Lins, Centro Integrado de Educação Christus – Ciec e Centro de Educação Paraíso Infantil.

Para as bolsas de até 50%, a renda familiar deve ser, preferencialmente, igual ou menor que três salários mínimos por pessoa (residência do estudante). Se o valor exceder este limite, o candidato poderá requerer um benefício menor, junto à comissão avaliadora.

Critérios de seleção

Do total de das vagas, 10% serão destinadas, preferencialmente, a estudantes com deficiência física. Para os iniciantes, serão considerados como critérios de desempate a maior média acumulada no nível de ensino anterior e, para aqueles com períodos cursados, será utilizado o coeficiente de rendimento acadêmico. Na educação básica, serão realizadas provas de admissão e considerada a idade escolar. Nas demais modalidades, terá preferência o candidato mais idoso.

O processo de seleção é simples e imediato. Após a avaliação dos dados fornecidos na inscrição via internet, o candidato será entrevistado junto à sede do Educações. Até a segunda quinzena de fevereiro deste ano, serão lançadas vagas para educação profissional, cursos livres, idiomas e supletivo.

Iniciado em janeiro de 2013, o Educações é apoiado pela Federação Nacional das Escolas Particulares – FENEP e pelo Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino Privado do Amazonas – Sinepe-AM. Em 03 anos, superou a marca de 15.000 bolsas de estudo, por meio de parcerias com 22 instituições de ensino privado do Amazonas. Além disso, o programa recebe auxílio de empresas amazonenses para a manutenção dos bolsistas.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.