Política

PT e PCdoB se coligam para disputar à Prefeitura de Manaus

José Ricardo (PT) e o Yann Evanovick (PCdoB)/Foto: Divulgação
Redação
Escrito por Redação
José Ricardo (PT) e o Yann Evanovick (PCdoB)/Foto: Divulgação

José Ricardo (PT) e o Yann Evanovick (PCdoB)/Foto: Divulgação

Em coletiva de imprensa realizada na tarde desta sexta-feira (29), a aliança entre PT e PCdoB para chapa majoritária a disputa à Prefeitura de Manaus foi confirmada. O vice do pré-candidato a prefeito de Manaus, José Ricardo (PT), é o militante estudantil, Yann Evanovick (PCdoB).

“O desejo da militância era que continuássemos com aqueles que há muito tempo já caminham junto com PT na luta pela inclusão social, respeito à diversidade, mandato com a participação popular. E o Yan foi uma excelente escolha, porque é um jovem que desde adolescente vem lutando pelos direitos dos estudantes e em defesa da educação, que já tem uma história de militância reconhecida. Juntos com o povo queremos fazer um governo para todos”, afirmou José Ricardo. Ele enalteceu ainda, a postura de Eron Bezerra (PCdoB) de renunciar a candidatura a prefeito da capital como representante dos “camaradas”, em favor de um projeto maior de unidade dos partidos de esquerda.

José Ricardo enfatizou também que já que o PT e o PCdoB possuem uma linha de atuação semelhante, a participação popular e a transparência continuarão com os principais eixos dessa chapa, como uma forma de evitar, numa gestão futura, que os recursos públicos sejam aplicados aquém do interesse e da necessidade da população como ocorre na gestão do atual prefeito que em três anos já gastou cerca de R$200 milhões só em publicidade (montante que superou o gasto feito na mesma área pelo governo estadual). “Em nosso governo, o povo será consultado e suas decisões respeitadas”, acentuou o petista.

Yann declarou se sentir honrado em compor a chapa como vice-prefeito de José Ricardo, que é um parlamentar que desempenha seu um mandato pautado pelas demandas sociais e é conhecido por sua conduta íntegra. “Vamos levar não o nome do José Ricardo ou do Yann, mas sim, a representação de um projeto muito maior do que nós mesmos. Porque de um lado teremos os candidatos golpistas que estão pulverizados e do outro lado, nós, que defendemos a democracia brasileira e todos os direitos conquistados durante o Governo de esquerda. E estaremos com o nosso melhor, que é a nossa militância”, salientou Yann.

A proposta da chapa majoritária é ampliar a aliança com os partidos de esquerda para compor um projeto de governo para a Manaus.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.