Polícia

Quadrilha de assaltantes é presa após roubar carro na ZN de Manaus

Erick, Adriano, Géssica e Matheus, presos por roubo e carro/Foto: Divulgação PMAm
Erick, Adriano, Géssica e Matheus, presos por roubo e carro/Foto: Divulgação PMAm
Redação
Escrito por Redação

O ex-presidiário Erick Bruno Seixas de Oliveira, de 20 anos; Adriano Guedes; Matheus Sales da Mota, e Géssica Larissa Souza da Silva, todos de 21 anos, foram presos, na manhã de hoje, quarta-feira (12), após roubarem um veículo, no Conjunto Boas Nova, bairo Cidade Nova, na Zona Norte de Manaus.
A prisão da quadrilha foi efetuada horas depois, por policiais militares da 6ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), por volta das 10h20, na Rua 77, Núcleo 11, mesmo bairro.

De acordo com o cabo Jarbas Salvador, da 6ª Cicom, o grupo é suspeito de praticar vários assaltos na área. A prisão ocorreu após duas mulheres interceptarem a guarnição, durante o patrulhamento ostensivo. Maria Isa, de 60 anos, e a filha dela, Isamara Araújo, de 39 anos, estavam em um veículo, modelo Fox vermelho, placa JXY-0288, quando foram abordadas pelo grupo.

Erick, Adriano, Géssica e Matheus, presos por roubo e carro/Foto: Divulgação PMAm

Erick, Adriano, Géssica e Matheus, presos por roubo de carro/Foto: Divulgação PMAm

Durante a ação criminosa, Isamara, grávida de três meses chegou ter sobre sua barriga um revólver. Em seguida, o grupo fugiu levando o carro e pertences das vítimas. Por conta disso, Isamara foi levada em estado de choque ao Serviço de Pronto Atendimento (SPA) da Zona Norte da capital.

“Iniciamos as buscas e conseguimos localizar o carro com os suspeitos dentro. Na revista, achamos um revólver calibre 38 municiado, joias, bolsas femininas e cinco celulares das vítimas”, disse o cabo Salvador.

No site do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), consta que Erick respondia por roubo e adulteração de chassi e veículo automotor.

O grupo foi autuado por roubo majorado e porte ilegal de arma de fogo no 6° DIP. Após os trâmites legais de polícia, Adriano, Erick, Matheus foram conduzidos à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no Centro da capital. Géssica foi encaminhada para o Centro de Detenção Provisório Feminino (CDPF), no quilômetro 8, da Rodovia BR-174.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.