Cidades

Quadrilha ousada que tentou assaltar loteria usando marreta, é presa pela Polícia Civil

Escrito por Kamyla Gomes

O diretor do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), delegado Rafael Allemand, falou na manhã de hoje, sobre as prisões de quatro envolvidos na tentativa de roubo a uma lotérica na Zona Sul da cidade. O grupo foi preso durante a operação Thor, realizada ao longo desta quinta-feira, dia 1º, em Manaus e Manacapuru.

Alessandro Recelle de Souza Assunção, 25; Janderson Jacinto Balieiro, 20, conhecido como “Tico Mico”; Francisco Rafael Viana da Silva, 26; e Daniel Henrique Passos de Souza, 22, conhecido como “Neguinho”, foram presos em cumprimento a mandados de prisão preventiva.

O primeiro a ser localizado pelas equipes policiais foi Alessandro, por volta de 11h, na Rua Travessa 4, Beco São Francisco, bairro Japiim, Zona Sul.

No mesmo beco, na Rua 7, a prisão de Janderson foi efetuada simultaneamente. Mais tarde, por volta de meio-dia, Francisco foi preso na Rua Portugal, Beco Brasil, bairro Japiinlândia. O mandado referente à prisão de Daniel foi cumprido na Rua 13, bairro da Liberdade, no município de Manacapuru, distante 68 quilômetros em linha reta da capital.

“Alessandro utilizou uma marreta para tentar quebrar o vidro da cabine onde fica guardado o dinheiro pertencente à loteria. Enquanto isso, Daniel e Janderson, efetuaram disparos de arma de fogo tentando quebrar o vidro, que era blindado. Já Francisco serviu de ‘olheiro’ para os comparsas, observando a movimentação do estabelecimento”, explicou o delegado.

A quadrilha já foi encaminhada para a Cadeia Pública Raimundo Vidal Pessoa, onde foram indiciados pelos crimes de roubo tentado e associação criminosa.

Com informações da Assessoria de Comunicação da Polícia Civil.

 

 

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.