Amazônia Rondônia

RO: ex-deputado flagrado com carro roubado chama imprensa de terroristas

tiziu_honda-1
Redação
Escrito por Redação

Uma abordagem de rotina policial e a localização de um veículo roubado. Assim caiu à casa do ex-deputado estadual Tiziu Jidalias em Porto Velho nesta quarta-feira (24) por volta de 15h30.

Porém, depois da publicação da notícia da prisão em flagrante pela PRF – Policia Rodoviária Federal, o ex-deputado enviou nota de esclarecimento às redações, onde, ao invés de se explicar, preferiu atacar o trabalho da imprensa do estado.

De acordo com boletim de ocorrência n: C156153815062415414 da PRF, Tiziu foi abordado dirigindo o Kia Sorento no Km 698 da BR 364, entre as avenidas Mamoré e Guaporé, região de Porto Velho. Na vistoria padrão, os agentes detectaram claros sinais de adulteração de chassis impressos no vidro e nos selos de segurança.

Na verificação do chassis, foi confirmado que trata-se do veículo roubado de um médico em fevereiro de 2013 em Florianópolis (SC), tratando-se da conhecida clonagem.

Com a confirmação de se tratar de produto de furto, Tiziu Jidalias ouviu seus direitos constitucionais e foi levado a Central de Policia Civil na capital de Rondônia.

Já no plantão de polícia, foi registrado o BO 4566/2015 por receptação. Após interrogar o suspeito de receptação, o delegado Daniel Braga não vislumbrou num primeiro momento, elementos para seu indiciamento, sendo Tiziu liberado sem pagamento de fiança.

 
O veículo foi encaminhado para exame pericial de rebaixamento de chassis, coleta de agregados e caracteres. Tiziu foi encaminhado ao IML para fazer o exame de corpo delito (caso desejasse).

As investigações passam a ser feitas pela delegacia de combate ao furto e roubo de veículos e em novo interrogatório, devem apurar quem vendeu o carro para Tiziu, checarem se o preço pago não foi vil, o que caracterizaria o dolo da receptação.

NOTA

Em nota enviada a imprensa, Tiziu classificou a notícia como maldosa e inverídica.

Acreditando viver num mundo de faz de conta, disse que não foi preso, tudo não passando de “uma grande mentira criada apenas para plantar notícias, falando a meu respeito”. Vale ressaltar que no próprio BO da PRF, está narrado que ouviu seus direitos constitucionais, logo foi preso.

Segundo o ex-parlamentar “o que aconteceu foi o seguinte; fui parado em uma barreira policial na chegada de porto velho (sic) dirigindo um veículo que comprei e paguei há seis meses atrás, veículo este que estava sendo providenciado a transferência para o meu nome”.

“Lamentavelmente, neste episódio houve suspeita que o veículo teria sido furtado no ano de 2013, o que me causou espanto e por isso, demonstrei o maior interesse de que tudo fosse esclarecido e disse aos policiais que a partir desta informação eu não me sentiria mais à vontade para continuar com aquele veículo”. (Nota da redação – Mais uma mentira do ex-deputado, o carro foi apreendido e não deixado com a Polícia Rodoviária Federal porque ele não quis mais)

Finalizando seu ‘esclarecimento’, Tiziu se refere a Imprensa como ‘terroristas de plantão’.

NOTA DA REDAÇÃO

Fique claro que aqui ninguém inventou nada. Tudo está relatado nos documentos abaixo anexos. Causa estranheza que o ex-deputado e reconhecido empresário revendedor de motos Honda, não saiba os procedimentos básicos para comprar e vender um carro, levando por exemplo para fazer uma vistoria veicular antes de fechar negócio.

Em relação a sua nota onde ataca ferozmente a imprensa, sugerimos que ex-parlamentar Tiziu lave sua boca com creolina quando se referir aos jornalistas deste estado.

(Rondoniaovivo)

 

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.