Amazonas Política

Rosivaldo Cordovil defende o uso do gás natural pela frota de ônibus de Manaus

A constante emissão de gás poluente, em Manaus/Foto: Arquivo
A constante emissão de gás poluente, em Manaus/Foto: Arquivo
Redação
Escrito por Redação

A busca por um modal de transporte que utilize combustível sustentável, deve ser uma luta constante das autoridades e técnicos envolvidos com o sistema de transporte de massa nas grandes capitais mundiais, já que foi esse um dos assuntos mais discutidos durante o último Congresso Brasileiro de Transporte e Trânsito, realizado em Santos (SP), na semana passada.
Representando a Câmara Municipal de Manaus, o presidente da comissão de Transporte, Viação e Obras Públicas, vereador Rosivaldo Cordovil (PTN) ao participar do encontro, disse que a cidade de Manaus deve realizar estudos no sentido de viabilizara a utilização do gás natural para movimentar a frota de ônibus. “Um combustível menos poluente, limpo, representa melhor qualidade de vida para a população”, garantiu o vereador.

De acordo com Cordovil, o Brasil tem uma das maiores frotas de ônibus do Mundo, por isso, é preciso que os estudos apontem novos caminhos quando o assunto é a questão ambiental. “Além da eficiência, segurança  e conforto os ônibus precisam poluir menos usando uma matriz energética mais limpo”, acrescentou o vereador.

O vereador que é presidente da comissão de Transporte da Câmara fez questão de salientar os investimentos que estão sendo feito em Manaus, por parte da Prefeitura e dos empresários, com o objetivo de tornar o sistema da capital maias eficiente. “A implantação da “Faixa Azul”, a criação do Consórcio Operacional (COPE) e a instalação do Centro de Controle Operacional (CCO), são medidas que o Poder Público está tomando. No entanto, é preciso olhar a questão ambiental como uma necessidade na busca pela qualidade de vida nas grandes cidades”, finalizou.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.