Amazonas Cultura

´Seringal Vila Paraíso´ ganha programação especial na Semana Nacional de Museus

Seringal Val Paraíso, aberto à visitação/Foto: Acervo
Redação
Escrito por Redação

Uma programação especial em comemoração à Semana Nacional de Museus, será levada, amanhã (19), ao ´Museu do Seringal Vila Paraíso´, a cargo da Secretaria da Cultura do AM, com sessão de cinema infantil e a apresentação do espetáculo teatral “Muitas Luas”, interpretado pelos alunos do curso de Laboratório Teatral do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro.
Serão realizadas ainda duas visitas, às 10h30 e às 15h00, nas quais estudantes, pesquisadores, turistas e o público em geral serão transportados para uma viagem ao final do século XIX,  conhecendo de perto o modo de vida do homem do seringal, por meio de ambientações de época – ciclo da borracha – com móveis e utensílios que testemunham a riqueza dos seringais, quando a borracha estava no auge de sua valorização econômica.

Às 15h00, alunos do curso de Laboratório Teatral do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro entram em cena para apresentar o espetáculo de teatro infantil “Muitas Luas”. A peça é uma adaptação do conto grego chamado “Quero a Lua”, em que uma princesa mimada, ao adoecer, pede ao seu pai, o rei, que lhe consiga a lua, insistindo que esta seria a única forma de curar-se. O rei tenta a todo custo conceder seu pedido, mobilizando toda a corte para agradar a princesa. A peça é baseada na adaptação que Tatiana Belink, renomada escritora paulista.

O espetáculo tem direção de Elias Monteiro. No elenco: Renan Dias (Rei); Lídia Araujo (Princesa); Ívina Carolina (Bobo); Isnnayra Ferreira (Ministro); Izau Araújo (Astrônomo); Anna Renata (Aia); Marcos Vasconcelos (médico); Emanuel Pinheiro (Ourives); Alva Cristina (narradora 1); Anna Paula Reis (narradora 2); Jacson da Silva (recepção); e Kilson Moura (recepção).

Para convidar a população, e em especial as crianças, a Gerência de Museus da Secretaria de Cultura realizou uma visita às comunidades próximas ao Museu do Seringal, que fica na Vila Paraíso, convidando-os para participar do evento.

Museu do Seringal Vila Paraíso

Histórico

Atraindo visitantes que desejam conhecer de perto o modo de ser e viver do homem do seringal, o Museu do Seringal Vila Paraíso foi inaugurado no dia 16 de Agosto de 2002, e é o maior projeto turístico e cultural do Governo do Estado, pois oferece uma ampla visão da situação dos seringais da era de ouro do Ciclo da Borracha.

Resultado do polo de cinema do Amazonas, foi originalmente criado para servir de set de filmagens do seriado “A Selva”, dirigido por Leonel Vieira em uma adaptação livre da obra do escritor português Ferreira de Castro, que volta ao passado histórico caracterizando a economia e a sociedade Amazonense no início do século XX.

Acervo

É formado por ambientações de época – ciclo da borracha – com móveis e utensílios que testemunham a riqueza dos seringais, quando a borracha estava no auge de sua valorização econômica.

Roteiro de visitação

Trapiche; Barracão de armazenamento das pelas de borracha; Casarão do seringalista; Barracão de aviamento; Capela de N. Sra da Conceição; Banho das mulheres; Trilha das seringueiras; Casa do seringueiro; Tapiri de defumação da borracha; Cemitério cenográfico; Estrebaria; Casa de farinha; Barracão dos seringueiros.

Espaços abertos à visitação/Foto: Acervo

                                                   Espaços abertos à visitação/Foto: Acervo

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.