Cidades

Síndico é assassinado a tiros na portaria de condomínio, em Manaus

O corpo da vítima foi levado para o IML, Zona Norte de Manaus - foto: Josemar Antunes
Redação
Escrito por Redação

O síndico Sandro Simões Rodrigues, de 33 anos, morreu na noite de quinta-feira (28), após ser alvejado com quatro tiros na cabeça. O crime ocorreu por volta das 20h30, na Rua Nova Olinda, no parque residencial Ouro Negro, bairro Coroado 3, Zona Leste de Manaus.

De acordo com as informações repassadas a polícia, dois homens chagaram ao local em uma motocicleta, de características não identificadas, e efetuaram os disparos. Na ocasião, Sandro estava na portaria do condomínio e teria permitido a entrada da dupla. Os suspeitos deram a volta pela rua e ao saírem atiram cinco vezes contra a vítima, que morreu no local. Em seguida, os dois homens fugiram sem serem identificados.

O corpo da vítima foi levado para o IML, Zona Norte de Manaus - foto: Josemar Antunes

O corpo da vítima foi levado para o IML, Zona Norte de Manaus – foto: Josemar Antunes

O amigo de Sandro, o ex-porteiro do condomínio, Adalberto Barroso, de 44 anos, disse que o síndico tinha uma audiência marcada para o próximo dia 8 de agosto, em razão de uma discussão com uma moradora do parque residencial, mas não soube dizer se a morte tem alguma ligação.

Um aglomerado de pessoas acompanhou os trabalhos de perícia criminal no local. O corpo da vítima foi removido para o Instituto Médico Legal (IML). O caso será conduzido pela Delegacia Especializada de Homicídios e Sequestros (DEHS).

Por Josemar Antunes

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.