Amazonas Cidades

Sorteio marca última etapa da licitação para o serviço de mototáxi

A mototaxista disputa vaga no "papelzinho"/Foto: Altemar Alcântara
Redação
Escrito por Redação

As 175 últimas vagas ofertadas na licitação do serviço de mototaxi, foram preenchidas por sorteio, realizado na manhã de hoje, sexta-feira (05), entre 251 candidatos que empataram com 60 pontos na classificação do certame, completando-se, assim, a lista final da licitação, contendo os 1.635 selecionados na concorrência pública para operar como mototaxista regularizado na capital. Quem havia alcançado mais de 60 pontos já estava classificado.
Nos próximos dias, a licitação deverá ser homologada com a publicação do resultado final no Diário Oficial do Município (DOM), contendo o nome de todos os classificados, incluindo os que foram sorteados.

De acordo com o superintendente municipal de Transportes Urbanos (SMTU), Pedro Carvalho, os 76 licitantes que nao foram sorteados nesta sexta-feira ainda têm chances de se tornarem permissionários. “Podem surgir desistência da permissão. Também, durante o processo de cadastro, os vencedores que possuírem vínculos empregatícios não poderão assinar o contrato. Essas situações abrirão novas vagas que irão possibilitar a realização de um novo sorteio para completar o número total de permissões para o serviço de mototáxi da cidade, que é de 3.303”, explicou.

Depois da licitação ser homologada, o próximo passo será o cadastro, assinatura do contrato e apresentação da moto padronizada na SMTU. Conforme o edital, os ganhadores da licitação possuem um prazo de 180 dias para concluir essa etapa.

O mototaxista José Jeferson Costa, vibrou ao ser sorteado. “Estou muito feliz. Não consegui ganhar na primeira licitação, mas, agora consegui uma das vagas e serei um profissional legalizado. Aos usuários pedimos que procurem sempre o mototaxista legalizado, porque somente esses podem oferecer um serviço mais seguro”, afirmou.

Essa é a segunda licitação do serviço de mototáxi realizada pela Prefeitura de Manaus. Em 2014, após a realização do primeiro certame, foram selecionados 1.668 mototaxistas para atuar na capital. Para completar o número total de 3.303 permissões existentes para o serviço, em janeiro de 2015 foi lançado o edital da segunda licitação, com a oferta de 1.635 vagas, que está sendo concluída neste mês.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.