Cidades

Suspeito de latrocínio é preso na Zona Oeste da capital amazonense

Alisson foi indiciado por latrocínio e encaminhado para a Cadeia Pública - foto: divulgação/Polícia Civil
Alisson foi indiciado por latrocínio e encaminhado para a Cadeia Pública - foto: divulgação/Polícia Civil
Redação
Escrito por Redação
Alisson foi indiciado por latrocínio e encaminhado para a Cadeia Pública - foto: divulgação/Polícia Civil


Alisson foi indiciado por latrocínio e encaminhado para a Cadeia Pública – foto: divulgação/Polícia Civil

Alisson Márcio Palheta Pires, 23 anos, foi preso na tarde de sexta-feira (26), por volta das 17h, pela equipe de investigação do 20º Distrito Integrado de Polícia (DIP), em cumprimento a mandado de prisão, pelo latrocínio de Fabrícia Cavalcante de Souza, 33 anos. A ação policial ocorreu na Rua Santa Joana, Comunidade Parque São Pedro, bairro Tarumã, Zona Oeste de Manaus.

De acordo com o titular do 20º DIP, delegado Tarson Yuri, a prisão de Alisson contou com a colaboração de moradores da área. Diante das informações, o mandado de prisão preventiva foi expedido na quinta-feira (25), pelo juiz da 2ª Vara Criminal, Eliezer Fernandes Júnior.

“No dia 24 de julho deste ano, por volta das 20h, Fabrícia teve o celular roubado por Alisson em um bar localizado na Avenida Dona Otília, loteamento Campos Sales, bairro Tarumã. Após cometer o delito, a vítima teria feito um movimento que assustou o infrator e ele acabou efetuando um disparo de arma de fogo em direção à boca da mulher, que não resistiu ao ferimento e veio a óbito dias depois, em um hospital da capital”, explicou o delegado.

O jovem foi indiciado por latrocínio e ao término dos procedimentos cabíveis será levado para a Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, onde irá permanecer à disposição da Justiça.

Por Josemar Antunes e assessoria

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.