Mundo

Temporal atinge Reino Unido e deixa 13 mil casas sem luz

Redação
Escrito por Redação

O forte temporal que atingiu o Reino Unido nas últimas horas, com ventos acima dos 125 quilômetros por hora, deixou sem eletricidade mais de 13 mil casas do Centro e Sudoeste da Inglaterra e Sul de Gales.

A chamada tempestade Imogen suspendeu alguns serviços de ferry, como as conexões entre Portsmouth (Sul do país) e a ilha de Guernsey e entre Newhaven e Dieppe, na França, fechou vários colégios no Condado de Cornwall (Sudoeste de Inglaterra) e afetou várias linhas de trem.

“A população deve saber que o temporal afetará o trânsito em estradas, linhas de trem, pontes e ferries. O vento forte será acompanhado de chuvas e trovoadas na Costa Oeste da Inglaterra e Gales”, afirmou o meteorologista da agência estatal britânica (Met Office).

A agência emitiu vários alertas de ventos entre os 100 e os 120 quilómetros por hora, entre as 3h (5h no horário de Brasília) e as 18 de hoje (20h no horário de Brasília), quando a tempestade Imogen atingirá o máximo da força. A Met Office pediu para que a população se previna.

O organismo elevou o alerta para o nível laranja em Londres, Gales e Sudoeste e Sudeste de Inglaterra por causa da previsão de que se registem novas precipitações que poderiam causar complicações nos trens e outras infraestruturas.

Segundo a empresa de energia Western Power Distribution, cerca de 13 mil clientes foram afetados pela quebra do fornecimento elétrico, após as chuvas intensas das últimas horas.

“São esperados ventos entre 96 e 110 quilómetros por hora no Sul de Inglaterra e partes do Sul de Gales, e mais de 128 quilómetros por hora em várias cidades da costa. Também haverá ondas grandes nos condados de Cornwall e Devon”, informou um porta-voz do Met Office.

(Agência Brasil)

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.