Amazonas Brasil

Único líder mundial que ligou para Temer era “fake”

Redação
Escrito por Redação

Os mais importantes jornais do mundo ocidental – The New York Times, Guardian, Le Monde, El País – criticam abertamente não apenas o golpe como a cobertura da mídia brasileira.

Um dos principais jornais do México, La Jornada, deu capa para a humilhante situação de que hoje vive um país que tem à frente, graças ao golpe, um presidente que agiu como informante da CIA.

Uruguai, Cuba, Venezuela, Nicarágua, Bolívia, Equador e El Salvador não reconhecem o governo Temer.

Nenhum líder de um grande país deu ao menos uma ligada para Temer felicitando-o, o que é uma praxe diplomática.

A única ligação que Temer recebeu foi do radialista argentino Jorge Garcia, da rádio El Mundo, de Buenos Aires, que passou um trote em Temer fingindo ser o presidente da Argentina Maurício Macri.

Começou pagando mico e segue envergonhando o Brasil. Ouça a grande estreia internacional de Temer.

247

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.