Brasil

Visitante flagra cachorro brincando com ‘perna humana’ em cemitério

Redação
Escrito por Redação

Um cachorro foi flagrado na tarde desta quarta-feira (15) brincando com o que seria parte de uma perna humana no Cemitério Municipal de Petrópolis, na Região Serrana do Rio. O registro foi feito pelo agricultor Ernesto Jacinto da Rocha, de 65 anos, que foi ao local acompanhado da esposa, visitar o túmulo do sogro, que faria aniversário no próximo sábado (18). Segundo ele, o animal carregava a perna livremente entre os túmulos. Ele denunciou o fato nesta quinta-feira (16) à vereadora Gilda Beatriz, que oficiou a Prefeitura e encaminhou a denúncia ao Ministério Público.

Segundo Ernesto, ele viu o cachorro brincando com algo grande. Ao se aproximar, foi surpreso ao perceber que se tratava, segundo ele, de uma perna humana, que já estava entrando em estado de decomposição. Ele afirma que chamou outro visitante do cemitério para ver a cena e que, juntos, buscaram por um funcionário do cemitério para recolher o membro, mas ninguém foi encontrado.

“Fiquei assustado quando vi aquilo. Tinha um cheiro muito forte e parecia ser de uma mulher. Me aproximei e vi que a perna parecia estar cerrada. Logo tirei a foto, para registrar e denunciar aquilo às autoridades. É um desrespeito com o aquele corpo e com a família daquela pessoa”, detalhou Ernesto.

O caso foi denunciado à vereadora Gilda Beatriz, que considerou absurda a situação. Ela contou que vem denunciado a situação do Cemitério Municipal há muito tempo, devido a sua lotação e a falta de manutenção do local.

“Se algo nos reconforta é a ideia de, um dia, descansarmos em paz. Parece que nem isso é mais possível. São imagens chocantes que retratam uma má gestão generalizada e um verdadeiro descaso, seja com a fé ou com a dignidade humana. Sem contar a questão sanitária, doenças, que podem ser transmitidas. Notifiquei a Secretaria de Administração, Secretaria de Saúde e o prefeito, solicitando providências urgentes, além de encaminhar ofício para o Ministério Público solicitando a apuração dos fatos”, declarou.

O inspetor da 105ª Delegacia de Polícia Renato Rabelo informou que não há registros sobre o caso.

Por nota, a Prefeitura de Petrópolis, informou que a Secretaria de Administração e Recursos Humanos está abrindo sindicância para apurar a denúncia. “Por determinação da secretaria, os funcionários do cemitério já fizeram uma varredura no local e não foi verificado, até o momento, nenhuma violação de sepulturas ou vestígios do suposto membro humano”.

Fonte:G1

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.